EURO R$ 6,26 +0,89% DÓLAR R$ 5,34 +0,96% ITUB4 R$ 27,19 -2,26% MGLU3 R$ 16,05 -3,14% ABEV3 R$ 15,61 -0,83% GGBR4 R$ 24,37 -0,93% IBOVESPA 108.843,74 pts -2,33% BBDC4 R$ 19,27 -3,75% PETR4 R$ 24,65 -1,12% VALE3 R$ 83,31 -3,30%
EURO R$ 6,26 +0,89% DÓLAR R$ 5,34 +0,96% ITUB4 R$ 27,19 -2,26% MGLU3 R$ 16,05 -3,14% ABEV3 R$ 15,61 -0,83% GGBR4 R$ 24,37 -0,93% IBOVESPA 108.843,74 pts -2,33% BBDC4 R$ 19,27 -3,75% PETR4 R$ 24,65 -1,12% VALE3 R$ 83,31 -3,30%
Delay: 15 min
Áudio

A poupança com a nova Selic de 4,25% ao ano

O Minuto E-Investidor está no YouTube e também na Rádio Eldorado FM 107,3

O Comitê de Política Monetária do Banco Central não fugiu do consenso de mercado e subiu a taxa selic em 0,75 ponto porcentual, para 4,25% ao ano.

Com essa alta, a tentativa é equilibrar os juros básicos da economia com a inflação.

Muita gente quer entender como esse ajuste impacta na caderneta de poupança, afinal, são mais de R$ 1 trilhão depositados nesse investimento básico.

Com a Selic em 4,25%, a caderneta continua entregando 70% desse retorno para o poupador.

Isso significa que a rentabilidade anual passa a ser de 2,98% ao ano.

Atualmente, a inflação está acima de 5,8% em 12 meses e o poupador continua com um poder de compra prejudicado.

Para o fim de 2021, a expectativa do mercado é que a Selic chegue a 6,5% ao ano e o IPCA continue nesse mesmo patamar de 5,8%.

Se isso de fato acontecer, a caderneta de poupança voltará a ficar próxima do zero a zero.

Eu sou o Márcio Kroehn, editor-chefe do portal E-Investidor, e esse foi o Minuto E-Investidor de hoje.

Até o próximo.

Conteúdos e análises exclusivas para ajudar você a investir. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos