Educação Financeira

O que é o Canal Eletrônico do Investidor (CEI)

Entenda quais são as suas funcionalidades práticas e confira o passo a passo para realizar o cadastro

O que é o Canal Eletrônico do Investidor (CEI)
Entenda como funciona o CEI. (Foto: Unsplash)
  • A principal função do CEI é consolidar dados de diferentes investimentos em um só lugar, possibilitando maior praticidade e agilidade ao investidor
  • O Canal Eletrônico do Investidor tem como maior vantagem a praticidade, confiabilidade e a rapidez no acesso a informações importantes dos investimentos

(Mellanie Novais, Especial para o E-Investidor) – O Canal Eletrônico do Investidor (CEI) é uma plataforma disponibilizada para todos os investidores da bolsa de valores brasileira (B3). Ele é uma ferramenta importante para o monitoramento de diferentes ativos da carteira de investimentos. Na sequência, você pode entender melhor como funciona esse prático sistema e conferir as principais vantagens.

O que é CEI? O Canal Eletrônico do Investidor?

O CEI é um sistema que foi disponibilizado pela B3 (bolsa de valores brasileira) após a fusão da BM&F Bovespa com a Central de Custódia e Liquidação Financeira de Títulos (Cetip) em 2017. O objetivo do CEI é permitir que o investidor acesse informações sobre os seus diferentes investimentos em um só lugar.

Dessa forma, o canal possibilita acompanhar as transações feitas na bolsa com informações sobre os investimentos financeiros realizados a partir de diversas fontes e instituições. O CEI permite ver as movimentações, saldos e posições dos ativos.

Uma vez que reúne em um único lugar todo o portfólio de investimentos, a ferramenta é um canal prático para o acompanhamento dos rendimentos e do desempenho dos títulos. Além disso, ela é totalmente confiável, pois todas as informações são disponibilizadas diretamente pela bolsa de valores.

Publicidade

Conteúdos e análises exclusivas para ajudar você a investir. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

O CEI é especialmente interessante para quem aplica o capital em diferentes corretoras e instituições financeiras ao mesmo tempo — processo que é comum, considerando que os investidores mais maduros buscam as melhores taxas, o que pode acabar os direcionando para empresas variadas.

Pessoa opera ações num smartphone e um computado
O Canal Eletrônico do Investidor é uma fonte unificada e segura para cuidar de todas as suas aplicações financeiras. (Foto: Unsplash)

Como funciona o CEI?

A principal função do CEI é consolidar dados de diferentes investimentos em um só lugar, possibilitando maior praticidade e agilidade ao investidor. Sendo assim, funciona como uma plataforma unificada para consultar os extratos de posições e movimentações de todas as aplicações financeiras em nome desse investidor, de acordo com a própria B3.

A instituição ainda afirma que o CEI permite acesso às seguintes informações:

  • Detalhamentos de ambos os segmentos (Bovespa e Cetip);
  • Portfólio de investimentos;
  • Rendimentos;
  • Extratos (listado, balcão e tesouro direto);
  • Empréstimo de títulos;
  • Garantias;
  • Informe de rendimento e reembolso de empréstimos de títulos;
  • Histórico de negociações;
  • Aviso de transferências;
  • Movimentações (aplicações, eventos e vencimentos).

A divisão do detalhamento dos dois segmentos é separada da seguinte forma: no primeiro segmento (Bovespa), é possível acessar informações sobre carteira de ativos (Tesouro Direto, Fundos Imobiliários etc.), derivativos (Termo, Swap e Opção) e empréstimo de ativos.

Já em relação ao segundo segmento (Cetip), o investidor pode acessar no CEI informações a respeito de: ativos financeiros (CDB, LCI, LCA, LC, LF etc.), valores mobiliários (CRIs, CRAs, Debêntures etc.) e derivativos (Termo, Swap e Opção).

Quais são as vantagens de se cadastrar no CEI?

O Canal Eletrônico do Investidor tem como maior vantagem a praticidade, confiabilidade e a rapidez no acesso a informações importantes dos investimentos.

Além disso, o cadastramento no CEI proporciona um maior controle do capital aplicado na bolsa de valores. Com ele, é possível ter uma visão geral do patrimônio investido e ter mais clareza quanto aos rendimentos de cada um dos títulos, bem como uma visualização macro do desempenho dos ativos.

Outra vantagem é a garantia de confiabilidade dos dados: são muitas as informações fornecidas no Canal e todas elas são distribuídas pela própria B3. Com isso, é possível se manter informado e ter os investimentos sob controle, mesmo com as instabilidades do mercado financeiro.

Publicidade

O CEI ainda possibilita uma visão completa capaz de proporcionar a comparação para a melhor escolha de onde e como investir o capital, considerando o que já está aplicado e os objetivos do investidor.

Homem mexe em smartphone num sala com um computador
O CEI garante acesso a informações e detalhamentos seguros sobre seus investimentos em um único lugar. (Foto: Unsplash)

Como se cadastrar no CEI ?

O investidor não precisa criar um cadastro para utilizar o CEI. A partir do momento que abre uma conta e inicia os investimentos em uma corretora ou gestora de investimentos, essa instituição é responsável por fazer o cadastro na B3.

Feito isso, a própria B3 irá entrar em contato com o investidor por meio de um e-mail. Nele, são enviadas todas as instruções necessárias para acessar o portal do Canal Eletrônico do Investidor.

Os dados necessários para o acesso são o número do CPF ou CNPJ do investidor e a senha individual (disponibilizada pela B3). Caso o investidor não a tenha recebido no e-mail (ou carta via Correios, para quem não tem e-mail cadastrado) de acesso, é possível solicitar uma nova direto na página de acesso do CEI — basta clicar em “esqueci minha senha” e fornecer os dados solicitados no site.

Web Stories

Ver tudo
<
Golpes eletrônicos: confira 7 golpes digitais para roubar o seu dinheiro
Ataque cibernético: relembre 7 sabotagens que afetaram o mercado financeiro
Como investir em IA para ganhar dinheiro?
5 passos para planejar a independência financeira dos seus filhos
Como identificar as notas antigas do real que saíram de circulação?
Reforma tributária: quais alimentos terão imposto zerado ou reduzido? Confira lista
Voo cancelado pelo apagão cibernético? Veja o que fazer
Apagão cibernético: veja quais bancos brasileiros foram afetados
Novo aumento da gasolina? Entenda porque Petrobras pode mexer de novo no preço dos combustíveis
Bancos digitais: confira 5 contas que melhor pagam seus clientes
O que é BPC? Por que governo quer fazer pente-fino neste benefício social?
Mega-Sena: como aumentar minhas chances de vencer?
>

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos