MGLU3 R$ 4,07 +9,97% DÓLAR R$ 4,75 -0,38% EURO R$ 5,10 -0,34% BBDC4 R$ 20,29 +0,69% ITUB4 R$ 26,02 +0,97% ABEV3 R$ 14,21 +1,21% IBOVESPA 111.889,88 pts +1,18% PETR4 R$ 32,13 +0,28% GGBR4 R$ 29,04 +0,55% VALE3 R$ 84,25 -0,36%
MGLU3 R$ 4,07 +9,97% DÓLAR R$ 4,75 -0,38% EURO R$ 5,10 -0,34% BBDC4 R$ 20,29 +0,69% ITUB4 R$ 26,02 +0,97% ABEV3 R$ 14,21 +1,21% IBOVESPA 111.889,88 pts +1,18% PETR4 R$ 32,13 +0,28% GGBR4 R$ 29,04 +0,55% VALE3 R$ 84,25 -0,36%
Delay: 15 min
Mercado

Ações podem ter correções de 5% a 10% até fim do ano. Entenda

Pesquisa foi publicada pelo Deutsche Bank sobre o sentimento de mercado de setembro

Ações podem ter correções de 5% a 10% até fim do ano. Entenda
A compra e a venda de ações são realizadas por meio de home broker, um sistema que pode ser acessado a partir de celulares, tablets e computadores. (Foto: Shutterstock/sitthiphong/Reprodução)
  • De acordo com a pesquisa, 58% dos entrevistados disseram esperar uma liquidação das ações até o final do ano.

(Reuters) – Uma correção no mercado de ações de 5% a 10% até o final do ano foi a previsão majoritária em uma pesquisa sobre o sentimento de mercado de setembro publicada pelo Deutsche Bank nesta segunda-feira (13), no sinal mais recente de cautela do mercado sobre o fim do rali das ações.

De acordo com a pesquisa, realizada entre 7 e 9 de setembro com mais de 550 profissionais do mercado global, 58% dos entrevistados disseram esperar uma liquidação das ações até o final do ano.

Com a ajuda de uma grande quantidade de estímulo dos bancos centrais, as ações dispararam ante mínimas alcançadas em março de 2020, quando a pandemia de covid-19 assustou os mercados e desencadeou uma queda acentuada nas bolsas. O índice de ações mundial da MSCI quase dobrou desde então.

O crescimento econômico e os balanços corporativos se recuperaram mais rápido do que o esperado, mas agora dados dos Estados Unidos e da China sugerem que a recuperação pode estar perdendo o fôlego.

A covid-19 ainda era considerada o maior risco para a estabilidade do mercado, com 53% dos participantes da pesquisa do Deutsche Bank citando preocupações sobre novas variantes resistentes às vacinas. Esse temor foi seguido por medo de inflação acima do esperado.

A pesquisa de setembro também mostrou que a crença na inflação transitória – assegurada pelos bancos centrais – está diminuindo, embora ainda permaneça como visão da maioria.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos