DÓLAR R$ 5,46 -1,20% ITUB4 R$ 24,76 +2,57% MGLU3 R$ 14,56 +2,75% EURO R$ 6,33 -1,15% BBDC4 R$ 21,28 +5,24% GGBR4 R$ 28,17 +0,04% PETR4 R$ 29,60 -0,27% IBOVESPA 114.647,99 pts +1,29% ABEV3 R$ 15,53 +0,26% VALE3 R$ 80,68 +1,87%
DÓLAR R$ 5,46 -1,20% ITUB4 R$ 24,76 +2,57% MGLU3 R$ 14,56 +2,75% EURO R$ 6,33 -1,15% BBDC4 R$ 21,28 +5,24% GGBR4 R$ 28,17 +0,04% PETR4 R$ 29,60 -0,27% IBOVESPA 114.647,99 pts +1,29% ABEV3 R$ 15,53 +0,26% VALE3 R$ 80,68 +1,87%
Delay: 15 min
Mercado

Fechamento de Mercado: Ibov segue em recuperação, apesar da queda das commodities

ista de painel do índice Ibovespa, principal indicador da bolsa de valores paulista, a B3, que superou a marca de 100 mil pontos, nesta terça-feira (19). Investidores aguardam a tramitação da proposta da reforma da Previdência. 19/03/2019
Foto: Renato Cerqueira/Futura Press

A sessão desta quarta-feira foi de ganhos para os principais mercados acionários, amparados por dados de exportação acima do esperado na China, além de alguns balanços corporativos na Europa.

Nos EUA, a agenda foi relevante, com a divulgação da inflação ao consumidor (CPI), que subiu 0,4% em setembro, um pouco acima do previsto, mas com o núcleo da inflação dentro do esperado, minimizando as preocupações. Durante a tarde, foi conhecida a ata referente a última decisão de política monetária do FED. O documento não trouxe grandes surpresas, reforçando a posição dos dirigentes de que uma redução no volume de compras de bônus pode ser apropriada em breve, caso a economia siga evoluindo como o esperado.

No Brasil, o dia foi de recuo dos juros mais longos da curva, o que permitiu a recuperação de diversos ativos de risco, incluindo as ações das varejistas, ao mesmo tempo em que a queda nos preços do minério e do petróleo levou a correção nas ações
do setor. No fim, o Ibovespa tinha alta de 1,14%, aos 113.456 pontos e giro financeiro de R$ 66 bilhões, enquanto o dólar recuou 0,5%, aos R$ 5,51.

Na agenda doméstica desta quinta-feira, destaque para a Pesquisa Mensal de Serviços, referente ao mês de agosto.

 

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos