EURO R$ 5,24 +0,09% MGLU3 R$ 4,15 +2,97% DÓLAR R$ 5,15 +0,05% BBDC4 R$ 19,71 +1,60% ABEV3 R$ 15,50 +0,45% ITUB4 R$ 27,24 +1,04% PETR4 R$ 32,01 +0,91% GGBR4 R$ 24,43 -2,08% VALE3 R$ 69,95 +2,34% IBOVESPA 113.512,38 pts +0,43%
EURO R$ 5,24 +0,09% MGLU3 R$ 4,15 +2,97% DÓLAR R$ 5,15 +0,05% BBDC4 R$ 19,71 +1,60% ABEV3 R$ 15,50 +0,45% ITUB4 R$ 27,24 +1,04% PETR4 R$ 32,01 +0,91% GGBR4 R$ 24,43 -2,08% VALE3 R$ 69,95 +2,34% IBOVESPA 113.512,38 pts +0,43%
Delay: 15 min
Mercado

Mercado Intraday: Temor de recessão global penaliza bolsas no exterior

Mercado Intraday: Temor de recessão global penaliza bolsas no exterior
Bolsa de Valores em São Paulo Foto: REUTERS/Amanda Perobelli

O tom negativo prevalece no exterior, em meio à divulgação de dados mais fracos do que o esperado na Europa e aos novos isolamentos de regiões da China por conta da Covid-19. As bolsas da Europa fecharam em queda de mais de 2% nesta terça-feira, depois que o índice de gerentes de compras (PMI) composto da Alemanha e na zona do euro recuaram, atingindo o menor nível em 5 meses e em 16 meses, respectivamente. Esses dados negativos ampliaram os temores de recessão na região e derrubaram o euro ao menor nível em quase duas décadas ante o dólar.

Nos Estados Unidos, o clima também é de cautela, com as bolsas em Nova York operando no terreno negativo, e com os retornos dos treasuries atingindo as mínimas no dia, refletindo a busca por segurança nos mercados globais. Enquanto isso, o dólar estende os ganhos.

Em relação às commodities, os contratos futuros de petróleo aceleraram na queda e o Brent despenca mais de 10%. O WTI, por sua vez, caiu abaixo de US$ 100 por barril pela primeira vez desde 11 de maio, há quase dois meses.

No cenário doméstico, dúvidas quanto à extensão da PEC dos Auxílios, cujo gasto extrateto pode chegar a até R$ 50 bilhões, preocupam os investidores, além do cenário externo mais negativo. Assim, às 14h33, o Ibovespa recuava 1,39% aos 97.234 pontos, enquanto o dólar saltava 1,39% cotado aos R$ 5,39. Os juros futuros, por sua vez, registram mais uma sessão de alta. Entre as maiores quedas do dia, estão as ações do setor de petróleo, refletindo a queda da commodity. As ações de mineração e siderurgia também caem, apesar da recuperação do minério de ferro na China.

 

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos