MGLU3 R$ 8,06 -7,36% ITUB4 R$ 22,81 -1,89% EURO R$ 6,35 +1,77% DÓLAR R$ 5,61 +0,73% BBDC4 R$ 20,42 -4,00% GGBR4 R$ 25,55 -2,63% PETR4 R$ 28,47 -3,88% IBOVESPA 102.224,26 pts -3,39% ABEV3 R$ 16,69 -3,13% VALE3 R$ 68,64 -2,64%
MGLU3 R$ 8,06 -7,36% ITUB4 R$ 22,81 -1,89% EURO R$ 6,35 +1,77% DÓLAR R$ 5,61 +0,73% BBDC4 R$ 20,42 -4,00% GGBR4 R$ 25,55 -2,63% PETR4 R$ 28,47 -3,88% IBOVESPA 102.224,26 pts -3,39% ABEV3 R$ 16,69 -3,13% VALE3 R$ 68,64 -2,64%
Delay: 15 min
Mercado

Ibovespa hoje: Cielo (CIEL3), PetroRio (PRIO3) e SulAmérica (SULA11) são os destaques negativos

Índice subiu 0,52% nesta quarta-feira (1º), aos 119.365,60 pontos

Sede da empresa Cielo
Sede da Cielo (Foto: Gabriela Biló/ Estadão)
  • O Ibovespa subiu 0,52% nesta quarta-feira (1º), aos 119.365,60 pontos e volume negociado de R$ 29,9 bilhões.
  • Os três papéis que mais desvalorizaram no dia foram Cielo (CIEL3), PetroRio (PRIO3) e Sul América (SULA11)

O Ibovespa subiu 0,52% nesta quarta-feira (1°), aos 119.365,60 pontos e com volume negociado de R$ 29,9 bilhões. Segundo Paloma Brum, analista de investimentos na Toro, a alta foi embalada pela fala de Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central, que defendeu o teto de gastos, além da redução nas quedas nos papéis do setor de mineração e siderurgia.

Em Nova York, o S&P 500 e Dow Jones fecharam de maneira distintas. Enquanto o S&P encerrou em alta de 0,031%, o Dow Jones terminou em queda de 0,14%. O Nasdaq também terminou o dia com valorização de 0,33%.

Os três papéis que mais desvalorizaram no dia foram Cielo (CIEL3), PetroRio (PRIO3) e SulAmérica (SULA11).

Confira o que influenciou o desempenho dos ativos:

Cielo (CIEL3): -3,14%, R$ 2,78

Sem gatilhos específicos, as ações da Cielo encerraram o pregão desta quarta em baixa de 3,14%, para R$ 2,78.

No mês, os papéis da companhia vêm registrando queda de 3,14% e no ano baixa de 29,44%.

PetroRio (PRIO3): -2,82%, R$ 18,63

A baixa se deu após os preços da commodity caírem depois da divulgação do relatório semanal de estoques nos Estados Unidos, divulgado pelo Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês). O levantamento mostrou queda acima da esperada nos estoques do país, mas com inesperada alta nos estoques de gasolina. No pregão, a baixa foi de 2,82%, para R$ 18,63.

No mês, os papéis acumulam queda de 2,82%. No ano, há alta de 32,69%.

SulAmérica (SULA11): -2,66%, R$ 28,57

A queda nas ações ocorreu após a companhia apresentar uma proposta vinculante para a compra de até 100% do Grupo HB Saúde por R$ 485 milhões. No pregão a baixa foi de 2,66%, para R$ 28,57.

No mês, os papéis caem 2,66% e no ano 31,45%

*Com Estadão Conteúdo

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos