ITUB4 R$ 24,80 -0,40% DÓLAR R$ 5,63 +0,56% MGLU3 R$ 12,93 -2,42% EURO R$ 6,55 +0,52% BBDC4 R$ 21,56 -0,23% IBOVESPA 109.028,62 pts -1,59% GGBR4 R$ 26,78 -2,05% PETR4 R$ 27,91 -1,76% ABEV3 R$ 15,15 -1,30% VALE3 R$ 74,10 -3,02%
ITUB4 R$ 24,80 -0,40% DÓLAR R$ 5,63 +0,56% MGLU3 R$ 12,93 -2,42% EURO R$ 6,55 +0,52% BBDC4 R$ 21,56 -0,23% IBOVESPA 109.028,62 pts -1,59% GGBR4 R$ 26,78 -2,05% PETR4 R$ 27,91 -1,76% ABEV3 R$ 15,15 -1,30% VALE3 R$ 74,10 -3,02%
Delay: 15 min
Mercado

Ibovespa hoje: Iguatemi (IGTA3), Eneva (ENEV3) e Ambev (ABEV3) são os destaques negativos

Índice caiu 0,66% nesta terça-feira (10), aos 122.202,47 pontos

Entrada do shopping Iguatemi, em São Paulo
Foto: Tiago Queiroz/Estadão
  • O Ibovespa caiu 0,66% nesta terça-feira (10), aos 122.202,47 pontos e volume negociado de R$ 26,9 bilhões
  • Os três papéis que mais desvalorizaram no dia foram Iguatemi (IGTA3) Eneva (ENEV3) e Ambev (ABEV3)

O Ibovespa caiu 0,66% nesta terça-feira (10), aos 122.202,47 pontos e com volume negociado de R$ 26,9 bilhões. Apesar de ter iniciado em alta, o índice não conseguiu manter o resultado positivo no fechamento. Tensões em Brasília e o IPCA a quase 9% no acumulado dos últimos 12 meses afetaram os resultados ao longo do dia.

Em Nova York, o S&P 500 e Dow Jones fecharam com altas de 0,099% e 0,46%, respectivamente. Já o Nasdaq terminou o dia em baixa de 0,049%. Com a aprovação no Senado do pacote para investimento em infraestrutura de US$ 1,2 trilhão, Dow Jones e S&P 500 renovaram as máximas históricas com contribuição da recuperação do preço do petróleo.

Os três papéis que mais desvalorizaram no dia foram Iguatemi (IGTA3) Eneva (ENEV3) e Ambev (ABEV3).

Confira o que influenciou o desempenho dos ativos:

Iguatemi (IGTA3): -3,91%, R$ 38,29

De acordo com o balanço do segundo trimestre, a empresa registrou aumento de despesas. O resultado abaixo das expectativas fez IGTA3 cair 3,91%, chegando a custar R$ 38,29.

As ações caem 6,22% no mês, mas têm valorização de 3,88% no ano.

Eneva (ENEV3): -2,83%, R$ 16,81

Devolvendo ganhos dos dois pregões anteriores, a ENEV3 caiu 2,83%, tendo papéis cotados a R$ 16,81, menor preço deste a última sessão de junho.

A ENEV3 sobe 2,13% no mês e 8,24% no ano.

Ambev (ABEV3): -2,74%, R$ 16,69

Seguindo um movimento de queda das empresas de varejo em geral por conta de incertezas quanto ao impacto da variante Delta do coronavírus na reabertura total do mercado, a Ambev registrou queda de 2,74%, tendo papéis custando R$ 16,69.

Na segunda-feira (9), a empresa divulgou a criação de uma nova frente de negócio, a “Future Beverages”, voltada a bebidas alcoólicas que não sejam da linha de cerveja. A novidade deixou investidores cautelosos.

As ações sobem 0,30% no mês e 7,12% no ano.

*Com Estadão Conteúdo

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos