EURO R$ 6,19 +0,98% MGLU3 R$ 6,93 +4,21% BBDC4 R$ 20,83 -1,19% DÓLAR R$ 5,46 +0,00% IBOVESPA 108.941,68 pts -0,15% ABEV3 R$ 14,69 +1,38% PETR4 R$ 31,90 +0,57% ITUB4 R$ 23,25 -0,17% GGBR4 R$ 27,42 -4,23% VALE3 R$ 84,75 -2,26%
EURO R$ 6,19 +0,98% MGLU3 R$ 6,93 +4,21% BBDC4 R$ 20,83 -1,19% DÓLAR R$ 5,46 +0,00% IBOVESPA 108.941,68 pts -0,15% ABEV3 R$ 14,69 +1,38% PETR4 R$ 31,90 +0,57% ITUB4 R$ 23,25 -0,17% GGBR4 R$ 27,42 -4,23% VALE3 R$ 84,75 -2,26%
Delay: 15 min
Últimas notícias

Nubank começa a operar na Colômbia e promete investir US$ 150 milhões

(Estadão Conteúdo) – O Nubank anunciou nesta quarta-feira que começou a atuar na Colômbia, onde nasceu um dos fundadores e CEO da fintech brasileira, David Vélez. A companhia promete investir US$ 150 milhões nos próximos oito anos para explorar o mercado colombiano. Por enquanto, apenas o cartão de crédito será oferecido, em um país onde três quartos da população adulta não utilizam esse tipo de meio de pagamento.

A Colômbia é o terceiro país, além do Brasil, onde a instituição põe os pés, depois de ter desembarcado no México e na Argentina. Ao começar com o cartão de crédito, a fintech repete a mesma estratégia adotada no Brasil, quando começou em 2014, e no México, onde está desde o início do ano, ainda apenas com o cartão. Na Argentina, por enquanto, não há nenhum produto no mercado. A companhia, que mantém só o escritório, aguarda uma melhora da crise econômica no país vizinho.

“Depois do sucesso que temos tido no Brasil e no México, estou orgulhoso de anunciar a chegada do Nubank ao meu país natal. Queremos levar para a Colômbia o jeito Nubank de reinventar os serviços financeiros e impactar positivamente milhões de colombianos”, afirma David Vélez, em nota à imprensa.

Invista com o apoio de conteúdos exclusivos e diários. Cadastre-se na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos