MGLU3 R$ 2,47 -2,75% EURO R$ 5,55 +0,74% DÓLAR R$ 5,24 +0,00% ITUB4 R$ 23,44 -0,21% BBDC4 R$ 17,92 -0,94% IBOVESPA 98.672,26 pts +0,60% VALE3 R$ 74,62 +3,21% ABEV3 R$ 13,67 +2,48% GGBR4 R$ 23,15 +4,40% PETR4 R$ 26,29 -0,60%
MGLU3 R$ 2,47 -2,75% EURO R$ 5,55 +0,74% DÓLAR R$ 5,24 +0,00% ITUB4 R$ 23,44 -0,21% BBDC4 R$ 17,92 -0,94% IBOVESPA 98.672,26 pts +0,60% VALE3 R$ 74,62 +3,21% ABEV3 R$ 13,67 +2,48% GGBR4 R$ 23,15 +4,40% PETR4 R$ 26,29 -0,60%
Delay: 15 min
Últimas notícias

XP: com surpresa no varejo, tracker de PIB do 1º tri sobe para 0,5%

O IBGE apurou expansão de 1,1% das vendas do varejo restrito e de 2,0% das vendas do varejo ampliado

XP: com surpresa no varejo, tracker de PIB do 1º tri sobe para 0,5%
Foto: Pixabay
  • "Na nossa avaliação, trata-se de um impulso de curto prazo ao consumo, mais do que uma melhora de longo prazo", diz o economista.

O desempenho do varejo em fevereiro surpreendeu positivamente e sugere uma atividade econômica mais forte no mês, afirma o economista da XP Investimentos Rodolfo Margato. Após os resultados do setor divulgados hoje, o tracker de Produto Interno Bruto (PIB) da corretora passou a indicar um crescimento de 0,5% da atividade no primeiro trimestre, de 0,3% antes.

O IBGE apurou expansão de 1,1% das vendas do varejo restrito e de 2,0% das vendas do varejo ampliado, ambos acima das medianas da pesquisa Projeções Broadcast, de 0,2% e 1,1%, respectivamente. Para Margato, os resultados refletem uma melhora do quadro sanitário do País, após o pico das infecções pela variante Ômicron em janeiro, combinado com impulsos do Auxílio Brasil e com o aumento do emprego no mês.

“Na nossa avaliação, trata-se de um impulso de curto prazo ao consumo, mais do que uma melhora de longo prazo”, diz o economista. “Tem alguns fatores que ainda dão sustentação ao consumo, mesmo considerando algumas travas como a inflação elevada, salários reais deprimidos e o aperto de condições monetárias, que deve impactar mais a demanda no segundo semestre.”

Diante da volatilidade de segmentos do varejo como combustíveis e lubrificantes, Margato alerta que deve haver um cuidado para não extrapolar o resultado do setor em fevereiro para o restante do ano. As estimativas preliminares da XP sugerem um novo crescimento das vendas do varejo ampliado em março, de 0,6%.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos