EURO R$ 5,93 +0,21% MGLU3 R$ 20,81 -0,76% DÓLAR R$ 4,97 +0,20% ITUB4 R$ 32,47 +1,37% ABEV3 R$ 18,19 -0,55% VALE3 R$ 113,80 +2,15% BBDC4 R$ 27,43 +0,99% PETR4 R$ 29,44 +1,17% IBOVESPA 129.636,96 pts +0,68% GGBR4 R$ 29,96 +0,54%
EURO R$ 5,93 +0,21% MGLU3 R$ 20,81 -0,76% DÓLAR R$ 4,97 +0,20% ITUB4 R$ 32,47 +1,37% ABEV3 R$ 18,19 -0,55% VALE3 R$ 113,80 +2,15% BBDC4 R$ 27,43 +0,99% PETR4 R$ 29,44 +1,17% IBOVESPA 129.636,96 pts +0,68% GGBR4 R$ 29,96 +0,54%
Delay: 15 min
Áudio

O que é price maker?

O Minuto E-Investidor está no YouTube e também na Rádio Eldorado FM 107,3

É comum ouvir na bolsa de valores que determinada instituição é price maker.

A denominação é emprestada da economia.

Em mercados onde um grande player tem amplo domínio, ele normalmente dita o preço do produto, ou seja, é um price maker ou “fazedor de preço”.

Sim, se você pensou em empresas monopolistas, é isso o que acontece: preços sobem ou descem se a busca é um aumento da lucratividade ou se quer impor uma barreira de entrada para a concorrência.

Mas e na bolsa de valores?

Saber quem é price maker é importante, principalmente para day traders.

Grandes instituições, que operam grandes volumes, têm a capacidade de influenciar diretamente na formação e no deslocamento de preços.

Eles são agressivos e entram no mercado com velocidade para alcançar o objetivo.

E como você fica? Bom, você é um price taker, assunto que eu explico num próximo dia.

Eu sou o Márcio Kroehn, editor-chefe do portal E-Investidor, e esse foi o Minuto E-Investidor de hoje.

Até o próximo.

Conteúdos e análises exclusivas para ajudar você a investir. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos