EURO R$ 6,23 +0,05% DÓLAR R$ 5,30 +0,00% ITUB4 R$ 28,71 +3,75% MGLU3 R$ 15,87 -3,30% ABEV3 R$ 15,88 +0,51% GGBR4 R$ 27,00 +5,83% BBDC4 R$ 20,72 +4,59% IBOVESPA 114.064,36 pts +1,59% VALE3 R$ 78,91 -0,35% PETR4 R$ 26,84 +4,06%
EURO R$ 6,23 +0,05% DÓLAR R$ 5,30 +0,00% ITUB4 R$ 28,71 +3,75% MGLU3 R$ 15,87 -3,30% ABEV3 R$ 15,88 +0,51% GGBR4 R$ 27,00 +5,83% BBDC4 R$ 20,72 +4,59% IBOVESPA 114.064,36 pts +1,59% VALE3 R$ 78,91 -0,35% PETR4 R$ 26,84 +4,06%
Delay: 15 min

Investimento não é cassino

Fabrizio Gueratto é especialista em investimentos, com mais de 15 anos de experiência, além de ser o apresentador e financista do Canal de YouTube 1Bilhão Educação Financeira, com mais de 300 mil inscritos e 12 milhões de visualizações em pouco mais de 1 ano de trabalho. Atualmente, com 36 anos de idade, Fabrizio é palestrante e autor do livro “De Endividado a Bilionário”.

Escreve às terças e quintas-feiras

Fabrizio Gueratto

Peter Jordan, do Canal “Nerds de Negócios”, conta como começou a empreender

O youtuber e empreendedor multimilionário conta sobre sua jornada financeira e os atuais rumos do mercado digital

peter-jordan-nerds-de-negocio
Peter Jordan, do canal do YouTube Nerds de Negócios (Foto: Divulgação Nerds de Negócios)
  • Peter Jordan é dono de três canais no YouTube (Nerds de Negócios, Peter Aqui e Ei Nerd)
  • O youtuber adquiriu uma liberdade financeira que o permitiu sair de um emprego estável para ser um empreendedor de negócios digitais

Dono de três canais no YouTube (Nerds de Negócios, Peter Aqui e Ei Nerd), Peter Jordan está presente na plataforma desde 2014, ficando conhecido pela produção de conteúdo na área do entretenimento.

O empreendedor multimilionário teve uma trajetória incrível no mundo online. Aos 43 anos, Peter é CEO da Petaxxon, empresa inovadora de tecnologia com sede no Brasil e nos Estados Unidos. A empresa é responsável por alguns dos maiores sites de música do país, como o Cifras.com, criado em 2003, entre outros produtos digitais e sites que o grupo desenvolve. O youtuber adquiriu uma liberdade financeira que o permitiu sair de um emprego estável para ser um empreendedor de negócios digitais. Agora, acaba de fechar contrato para produção de conteúdo para o Banco Modal Mais (MODL11), plataforma digital que veio para fazer frente com a XP Investimentos e BTG Pactual (BPAC11).

Assim, convidei Peter Jordan para uma entrevista. Durante a conversa, o programador falou sobre sua jornada financeira e os atuais rumos do mercado digital, cenário completamente diferente nos dias de hoje de quando ele começou, por conta da expansão do marketing digital e das novas tecnologias e recursos lucrativos. Confira:

Como você passou de empregado para empreendedor?

Tendo mente de empreendedor. O empreendedor não é só aquele que empreende. É aquele que pensa, planeja e arrisca. Eu sempre fui assim, desde pequeno. Então enquanto estava trabalhando, dedicava meu tempo extra para desenvolver novos projetos. Foi então que eu criei o site Cifras.com.br, que escalou financeiramente a ponto de ser possível deixar o emprego. Eu saí do emprego, digamos, de forma “cautelosa”. Esperei o site criar autoridade e fidelizar a audiência, para só depois tomar a decisão de sair do emprego.

Ainda existe muita oportunidade para se ganhar dinheiro na internet ou o mercado saturou?

Ao contrário. Hoje as oportunidades são muito mais variadas do que há 10 ou 20 anos atrás quando comecei. Muita gente costuma dizer, de forma equivocada, que na minha época tinham mais oportunidades porque a concorrência era menor, mas isso não é totalmente verdade. Sim, a concorrência era menor para se criar um site, mas atualmente, conquistar liberdade financeira através da criação de um site, acho que é o último recurso dentro do marketing digital. O cenário mudou completamente. Não existe mais aquilo de “webmaster”. Hoje vivemos a era dos apps, das redes sociais e do marketing digital que oferecem muito mais oportunidades do que no momento em que iniciei minha carreira na internet.

Hoje, qual o primeiro passo que alguém, que está infeliz no trabalho e ganhando pouco, deve dar?

Buscar conhecimento. Para se iniciar num projeto de liberdade financeira, conhecer o mercado digital, caso seja esse o objetivo, é imprescindível. E material online gratuito para isso é o que não falta. O próprio Youtube é repleto de informações que, não só ajudam a pessoa a decidir qual mercado atuar, oferecem soluções concretas para conseguir uma renda extra. 

A sua principal fonte de receita é o YouTube ou é apenas uma vitrine?

Mesmo sendo vitrine, minhas receitas provenientes do Youtube sim, são minha fonte de receita principal. Por que o Youtube não se resume só em ganhos de adsense (o sistema de pagamentos do Google). Eu também ganho com vendas de infoprodutos e produtos e vendas de publicidade direta. Todas essas receitas existem por conta exclusivamente do Youtube funcionar como uma vitrine.

Quantos negócios diferentes você possui hoje?

Eu trabalho com venda de conteúdo digital recorrente, publicidade direta e indireta e também com vendas de produtos e infoprodutos diversos, seja como produtor ou afiliado. Isso tudo dividido entre sites, blogs e redes sociais.

Atualmente o faturamento de seus negócios está acima de muitas empresas físicas? Poderia revelar valores?

Com certeza, sim. Alguns valores já, inclusive, abri em alguns vídeos do meu canal Nerds de Negócios. Com o Ei Nerd, por exemplo, somente com o AdSense, eu faturo cerca de US$ 40 mil ao mês.

Cite alguns negócios relativamente simples e que podem gerar renda passiva de uma forma quase imediata.

Mega Sena (rs). Eu acredito que não exista nenhum negócio que gere renda passiva quase imediatamente. Qualquer modelo de negócio que vá se tornar uma renda passiva, necessita de muito esforço no início para, aí sim, ter menos esforço depois. Mas eu acredito que o modelo de criação de audiência e produção de conteúdo gratuito e monetizado é a forma mais simples e barata de se ter uma renda passiva. Um exemplo disso é um vídeo postado no Youtube que pode gerar receita por anos após a sua publicação.

Qual o futuro dos negócios digitais?

A tendência é sempre de variedade de ofertas e aumento de consumo, o que vai sempre melhorar o mercado para quem quer ganhar dinheiro por meio do marketing digital. Da mesma forma que quando eu comecei, basicamente, a única maneira de se iniciar na carreira digital era com a criação de sites, e hoje temos uma série de novos recursos, eu vejo a mesma tendência para o futuro. Teremos alguns recursos, como apps, ferramentas, ou estratégias ficando obsoletas e, por outro lado, teremos novos recursos nascendo. E isso, somando-se a conscientização dos internautas de que gastar dinheiro online vai ficando não só mais seguro, como, em alguns casos (como o que vivemos nesse momento), inevitável.

Assista ao vídeo exclusivo sobre como ganhar R$ 1 mil todo mês com internet: 

Invista em oportunidades que combinam com seus objetivos. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos