DÓLAR R$ 4,85 +0,63% EURO R$ 5,17 -0,06% MGLU3 R$ 3,73 +0,54% BBDC4 R$ 20,14 -1,32% ITUB4 R$ 25,71 -1,76% ABEV3 R$ 13,96 -1,20% PETR4 R$ 32,04 +1,39% IBOVESPA 110.234,93 pts -0,31% GGBR4 R$ 28,82 -0,96% VALE3 R$ 84,23 +0,23%
DÓLAR R$ 4,85 +0,63% EURO R$ 5,17 -0,06% MGLU3 R$ 3,73 +0,54% BBDC4 R$ 20,14 -1,32% ITUB4 R$ 25,71 -1,76% ABEV3 R$ 13,96 -1,20% PETR4 R$ 32,04 +1,39% IBOVESPA 110.234,93 pts -0,31% GGBR4 R$ 28,82 -0,96% VALE3 R$ 84,23 +0,23%
Delay: 15 min
Mercado

Após prejuízo no 3T21, Méliuz (CASH3) tem terceiro dia de queda

Na manhã desta quarta (17), os papéis chegaram a cair mais de 5%

Após prejuízo no 3T21, Méliuz (CASH3) tem terceiro dia de queda
Evento de abertura de capital da Méliuz. (FOTO: Divulgação B3)
  • Refletindo o prejuízo líquido de R$ 2,9 milhões do trimestre, ações da Méliuz caem no terceiro dia seguido.
  • Mesmo com as consecutivas quedas, as ações da empresas seguem recomendação de compra pelo BTG Pactual e Genial Investimentos
  • Expectativa para novos produtos e serviços para 2022 devem manter recomendação de compra para os papéis

Após anunciar prejuízo líquido de R$ 2,9 milhões no 3T21, revertendo o lucro de R$ 4,7 milhões do mesmo período do ano passado, a Méliuz (CASH3) fechou em queda de 9,37% e 8,01%, na sexta-feira (12) e terça (16), respectivamente.

Na manhã desta quarta (17), os papéis chegaram a cair mais de 5% e estão cotados por volta de R$ 3,48. No último fechamento, os papéis encerraram a R$ 3,56. Considerando o acumulado anual, a ação tem valorização de 21,68%. Desde o IPO, o crescimento chega a 114%.

Em novembro, as ações seguem com alta de aproximadamente 6%, cenário positivo se comparado a outubro, setembro e agosto, quando a CASH3 encerrou com quedas de 44,93%, 11,36% e 40,11% respectivamente.

Mesmo com as consecutivas quedas, as ações da empresas seguem recomendação de compra pelo BTG Pactual e Genial Investimentos. Para o BTG Pactual, o preço-alvo do papel é de R$ 7, segundo relatório divulgado nesta quarta após o lançamento do balanço trimestral.

Já a Genial Investimentos calcula um preço-alvo de R$ 8,20, com recomendação de compra. Para a corretora, os números negativos são reflexo do aumento das despesas operacionais, trazendo um prejuízo líquido no trimestre. Porém, o movimento é justificável desde que a operação esteja crescendo.

“Em 2022 veremos Méliuz com um ecossistema bem mais robusto, incluindo um app novo, com mais produtos e uma maior possibilidade de cross-sell”, diz relatório da Genial.

Ainda nesta quarta, a empresa de cashback divulgou a abertura de lista para novo cartão de crédito, que promete ser ‘digital first’, aliando tecnologia contactless (uso por aproximação) e cashback, sem que seja cobrada anuidade.

A partir de janeiro, a Méliuz lança conta digital incluindo novos produtos como pagamento eletrônico por PIX e compra e venda de criptomoedas.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos