EURO R$ 5,21 -0,19% MGLU3 R$ 3,73 +0,54% DÓLAR R$ 4,93 +0,00% BBDC4 R$ 19,41 -0,72% ABEV3 R$ 14,14 -0,77% ITUB4 R$ 24,82 -0,64% PETR4 R$ 34,17 +1,93% IBOVESPA 107.005,22 pts +0,71% GGBR4 R$ 27,05 +2,81% VALE3 R$ 79,85 +2,73%
EURO R$ 5,21 -0,19% MGLU3 R$ 3,73 +0,54% DÓLAR R$ 4,93 +0,00% BBDC4 R$ 19,41 -0,72% ABEV3 R$ 14,14 -0,77% ITUB4 R$ 24,82 -0,64% PETR4 R$ 34,17 +1,93% IBOVESPA 107.005,22 pts +0,71% GGBR4 R$ 27,05 +2,81% VALE3 R$ 79,85 +2,73%
Delay: 15 min
Mercado

Ágora indica os BDRs que podem despontar em janeiro

A carteira recomendada da corretora tem entre cinco e 15 ativos como foco em exposição global

Ágora indica os BDRs que podem despontar em janeiro
Logo da Amazon (REUTERS/Pascal Rossignol)

(Bruna Camargo) – A Ágora Investimentos anunciou o lançamento de uma nova carteira recomendada, a Top Global. Para janeiro, o portfólio apresenta Alphabet Inc., Amazon Inc., Costco, iShares S&P 500, Berkshire Hathaway, Johnson & Johnson, JPMorgan Chase & Co. e Comcast Corp.

Composta de fundos de índices (ETFs) e recibos emitidos no Brasil com lastro em ativos emitidos no exterior (BDRs), a carteira tem entre cinco e 15 ativos com o objetivo de oferecer uma exposição global ao investidor, de forma que se possa “navegar por tendências setoriais, mercados inexistentes no Brasil e outras alternativas disponíveis no exterior”, descreve a corretora em relatório.

Cenário internacional

De acordo com a Ágora, o cenário neste início de ano é comum a vários países: bancos centrais por todo o mundo implementando políticas monetárias mais austeras para conter a inflação elevada no pós-pandemia. Ainda, a variante Ômicron do coronavírus mantém aceso o sinal de alerta. Portanto, a corretora observa com cautela as economias mais desenvolvidas, cada uma com suas particularidades neste momento.

Nos Estados Unidos, é a postura do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) que será monitorada de agora em diante – uma vez que houve anúncio de aceleração da retirada de estímulos, o “tapering”, e há previsão de três altas de juros neste ano.

Já na Europa, onde a Ômicron tem apresentado disseminação mais expressiva, a Ágora avalia que a preocupação também está em torno do preço alto do gás e em como isso tem impactado a economia.

E, na China, a Ágora vê o crescimento “em ritmo abaixo do seu potencial”, justificado por fatores como problemas e instabilidade no setor imobiliário, indústria com o objetivo de redução do uso de energia e a política de “zero covid”, com o retorno de lockdowns ao país quando aparecem novos casos da doença.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos