DÓLAR R$ 5,61 +0,00% BBDC4 R$ 20,27 -0,73% MGLU3 R$ 8,04 -0,25% EURO R$ 6,34 +0,09% ITUB4 R$ 22,66 -0,66% PETR4 R$ 29,47 +3,51% ABEV3 R$ 16,34 -2,10% GGBR4 R$ 25,80 +0,98% IBOVESPA 102.814,03 pts +0,58% VALE3 R$ 69,50 +1,25%
DÓLAR R$ 5,61 +0,00% BBDC4 R$ 20,27 -0,73% MGLU3 R$ 8,04 -0,25% EURO R$ 6,34 +0,09% ITUB4 R$ 22,66 -0,66% PETR4 R$ 29,47 +3,51% ABEV3 R$ 16,34 -2,10% GGBR4 R$ 25,80 +0,98% IBOVESPA 102.814,03 pts +0,58% VALE3 R$ 69,50 +1,25%
Delay: 15 min
Mercado

BTG: Compra do Grupo HB pela Hapvida é muito sinérgica e estratégica

O BTG Pactual vê com bons olhos a aquisição de 59% do Grupo HB Saúde pela Hapvida

Logotipo do BTG Pactual
Banco BTG Pactual (FOTO:Divulgação)

O BTG Pactual vê com bons olhos a aquisição de 59% do Grupo HB Saúde pela Hapvida, dando fim à disputa da companhia com a SulAmérica pela compra. O banco destaca que essa foi a primeira transação significativa desde o recente follow-on e classifica o movimento como altamente sinérgico e estratégico.

O relatório pontua que o grupo HB Saúde (HB) é uma operadora integrada verticalmente em São Paulo com 129 mil de vidas, enquanto a Hapvida tem um grande hub na região, 110 mil vidas, após a compra de São Francisco há dois anos. “Consideramos este movimento altamente sinérgico ao explorar sua infraestrutura verticalmente integrada na região e estratégico, pois ‘neutraliza’ um importante concorrente regional concorrente. Essas vantagens justificam a avaliação relativamente mais esticada”, avaliam os analistas Samuel Alves, Yan Cesquim e Pedro Lima.

A equipe do BTG considera que a aquisição reforça que a agenda de consolidação do setor está mais viva do que nunca, mesmo com a Hapvida e a Notre Dame Intermédica ainda detendo apenas 18% do mercado de seguro saúde no Brasil.

O relatório complementa que apesar do lance da Hapvida pelo HB Saúde ser mais competitivo, o mercado não estava considerando a transação como um negócio fechado, já que o grupo tem centenas de parceiros. Ou seja, a diferença de valor, em termos absolutos, não era tão grande, então o relacionamento com o comprador e a percepção da qualidade também importavam.

Diante desse cenário, o banco reitera a recomendação de compra para os papéis da Hapvida, com preço-alvo de R$ 19, representando um potencial de alta de 27,60% em relação ao fechamento de ontem.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos