DÓLAR R$ 5,51 +0,00% EURO R$ 6,41 -0,31% MGLU3 R$ 89,38 +3,35% BBDC4 R$ 19,81 +1,96% ABEV3 R$ 12,61 +1,37% ITUB4 R$ 23,07 +2,62% IBOVESPA 97.012,07 pts +1,33% PETR4 R$ 20,33 +0,49% GGBR4 R$ 20,58 -0,34% VALE3 R$ 58,65 -0,76%
DÓLAR R$ 5,51 +0,00% EURO R$ 6,41 -0,31% MGLU3 R$ 89,38 +3,35% BBDC4 R$ 19,81 +1,96% ABEV3 R$ 12,61 +1,37% ITUB4 R$ 23,07 +2,62% IBOVESPA 97.012,07 pts +1,33% PETR4 R$ 20,33 +0,49% GGBR4 R$ 20,58 -0,34% VALE3 R$ 58,65 -0,76%
Delay: 15 min
Mercado

Fechamento de mercado: Semana começa com volatilidade no exterior

Foto: Amanda Perobelli/Reuters
  • Nos Estados Unidos, a sessão dessa segunda-feira foi de volatilidade e as bolsas não seguiram um viés único
  • Nos Estados Unidos, a sessão foi de volatilidade e as bolsas não seguiram um viés único
  • No Brasil, o Ibovespa fechou com alta de 1,49%, na máxima do dia

A semana tem início com a agenda esvaziada e com os mercados europeus fechados em razão do feriado de Páscoa.

Nos Estados Unidos, os principais índices acionários abriram em baixa, registrando uma realização de lucros após uma semana anterior de forte valorização. Mas a sessão dessa segunda-feira foi de volatilidade e as bolsas não seguiram um viés único, mesmo após a declaração do presidente Donald Trump em seu Twitter, sobre um corte na produção de petróleo maior do que foi anunciado pela Opep+, que surpreendeu os investidores, que trabalhavam com cenário de redução de 9,7 milhões de barris de petróleo.

No Brasil, a despeito do comportamento misto das bolsas em NY, o Ibovespa fechou com alta de 1,49%, na máxima do dia, aos 78.836 pontos com giro financeiro de R$ 17,8 bilhões.

O dólar também fechou em alta, cotado aos R$ 5,18. Na agenda econômica desta terça-feira, será divulgada a balança comercial na China e no Brasil, o destaque da agenda é o indicador mensal do BC, o IBC-Br.

Pesquisa Focus

A pesquisa Focus mais recente trouxe outra rodada de revisões de estimativas. A mesma tendência observada recentemente para o final de 2020 foi revisada ainda mais, com cortes na projeção do PIB, inflação e um real mais fraco.

Novidades surgiram para 2021 com as estimativas de crescimento do PIB mostrando sua primeira revisão para cima, principalmente devido a uma base fraca a partir de 2020, enquanto um real mais fraco deve continuar por mais tempo, e as taxas de juros e inflação foram revisadas para baixo para 2021.

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos


Banner Start to Invest

Vença o medo de investir com a nova newsletter do E-Investidor. Receba conteúdos toda quinta-feira, às 12h, pra você finalmente sair da poupança.

DÓLAR R$ 5,51 +0,00% EURO R$ 6,41 -0,31% MGLU3 R$ 89,38 +3,35% BBDC4 R$ 19,81 +1,96% ABEV3 R$ 12,61 +1,37% ITUB4 R$ 23,07 +2,62% IBOVESPA 97.012,07 pts +1,33% PETR4 R$ 20,33 +0,49% GGBR4 R$ 20,58 -0,34% VALE3 R$ 58,65 -0,76%
DÓLAR R$ 5,51 +0,00% EURO R$ 6,41 -0,31% MGLU3 R$ 89,38 +3,35% BBDC4 R$ 19,81 +1,96% ABEV3 R$ 12,61 +1,37% ITUB4 R$ 23,07 +2,62% IBOVESPA 97.012,07 pts +1,33% PETR4 R$ 20,33 +0,49% GGBR4 R$ 20,58 -0,34% VALE3 R$ 58,65 -0,76%
Delay: 15 min