EURO R$ 6,40 +0,24% MGLU3 R$ 7,05 +4,29% BBDC4 R$ 20,76 -0,29% ITUB4 R$ 22,98 -0,35% DÓLAR R$ 5,66 +0,06% ABEV3 R$ 16,00 -0,06% IBOVESPA 105.069,69 pts +0,58% GGBR4 R$ 27,85 +0,69% PETR4 R$ 28,76 +1,41% VALE3 R$ 71,87 -2,20%
EURO R$ 6,40 +0,24% MGLU3 R$ 7,05 +4,29% BBDC4 R$ 20,76 -0,29% ITUB4 R$ 22,98 -0,35% DÓLAR R$ 5,66 +0,06% ABEV3 R$ 16,00 -0,06% IBOVESPA 105.069,69 pts +0,58% GGBR4 R$ 27,85 +0,69% PETR4 R$ 28,76 +1,41% VALE3 R$ 71,87 -2,20%
Delay: 15 min
Mercado

Onde Investir em 2021: A hora e a vez dos investimentos alternativos

Aplicações não tradicionais se destacaram em meio à volatilidade de 2020. Saiba mais sobre a tendência 

Barra de ouro (Foto: Evanto Elements)
  • O 'Onde Investir em 2021' é uma revista eletrônica que você pode baixar gratuitamente e ter acesso a informações sobre o futuro da renda fixa, indicações de dez corretoras para as ações do momento e dicas de investimentos alternativos, além de uma entrevista exclusiva com Luiz Barsi, o maior investidor individual da bolsa brasileira

Em um ano de incertezas como 2020, marcado por uma crise global de repercussões ainda em curso, é importante ter na carteira ativos não tradicionais, que tragam além de ganhos, proteção. Segundo os analistas, os investimentos alternativos aumentam a diversificação, reduzem a volatilidade e reforçam os retornos. Por isso, estão em ascensão.

Além de moedas e metais, o mercado brasileiro de aplicações alternativas vem expandindo a oferta para outras oportunidades. É o caso dos ativos judiciais, como precatórios e direitos creditórios decorrentes de ações na Justiça. “São aplicações que costumam trazer um retorno alto, dada a falta de liquidez e a complexidade jurídica”, diz Caio Fasanella, CEO da fintech Balko.

No Onde Investir em 2021, a revista eletrônica que você pode baixar gratuitamente aqui, você encontra mais informações sobre investimentos alternativos.

Quer ler a análise completa? Baixe agora gratuitamente: Onde Investir em 2021

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos