EURO R$ 6,04 +0,21% DÓLAR R$ 5,34 +0,05% ITUB4 R$ 26,88 -0,26% MGLU3 R$ 79,60 +0,25% BBDC4 R$ 21,94 -2,27% IBOVESPA 99.171,57 pts +0,01% PETR4 R$ 22,21 +0,32% GGBR4 R$ 16,06 +0,06% ABEV3 R$ 14,65 +0,07% VALE3 R$ 56,40 -0,04%
EURO R$ 6,04 +0,21% DÓLAR R$ 5,34 +0,05% ITUB4 R$ 26,88 -0,26% MGLU3 R$ 79,60 +0,25% BBDC4 R$ 21,94 -2,27% IBOVESPA 99.171,57 pts +0,01% PETR4 R$ 22,21 +0,32% GGBR4 R$ 16,06 +0,06% ABEV3 R$ 14,65 +0,07% VALE3 R$ 56,40 -0,04%
Delay: 15 min
Mercado

Mercado anima com acordo nos EUA, mas Bolsonaro eleva ruídos

O pacote de estímulos ainda precisa ser aprovado pelo Senado

(Sergio Lima/AFP)
  • O Dow Jones subiu 11,4% na terça-feira (24), o melhor resultado percentual em um único pregão desde 1933
  • Pronunciamento nacional de Bolsonaro defendendo a "volta à normalidade" foi repudiado pelo Congresso

O acordo firmado entre o governo e o Congresso dos Estados Unidos para aprovar um pacote de estímulos de cerca de US$ 2 trilhões para combater os impactos econômicos causados pela pandemia de coronavírus foi bem recebido pelo mercado.

A percepção de melhora no combate ao Covid-19 e a expectativa pelas medidas econômicas levaram o índice Dow Jones a subir ontem 11,4%, o melhor resultado percentual em um único pregão desde 1933.

Em mais um dia positivo, as bolsas asiáticas fecharam em alta, com ganhos entre 2% e 8%. Já as bolsas europeias e os índices futuros seguiram o tom otimista.

Às 7h15, horário de Brasília, o Dow Jones futuro subia 2,31%, o S&P500 futuro tinha alta de 1,26% e o Nasdaq futuro avançava 1,20%. Londres, Frankfurt e Paris valorizavam 1,85%, 0,97%, 1,83%, respectivamente.

No cenário doméstico, o presidente Jair Bolsonaro fez um pronunciamento nacional defendendo a “volta à normalidade” e o fim do “confinamento em massa”.

A fala foi repudiada pelo Congresso Nacional, com protestos de Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, presidentes da Câmara e do Senado, respectivamente. Governadores, secretários de Saúde e o comandante do exército também protestaram contra a fala de Bolsonaro. Ontem, o Ibovespa disparou 9,69%, aos 69.729,30 pontos.

Prévia da inflação será divulgada hoje

A agenda de indicadores tem como destaque a divulgação do IPCA-15 de março, considerado a prévia da inflação oficial ao consumidor brasileiro, às 9h, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo o levantamento do Projeções Broadcast, é esperado que o indicador suba 0,07% (mediana), o que representaria a menor variação para o terceiro mês do ano desde a criação do Plano Real.

Invista com o apoio de assessores especializados. Cadastre-se na Ágora Investimentos
EURO R$ 6,04 +0,21% DÓLAR R$ 5,34 +0,05% ITUB4 R$ 26,88 -0,26% MGLU3 R$ 79,60 +0,25% BBDC4 R$ 21,94 -2,27% IBOVESPA 99.171,57 pts +0,01% PETR4 R$ 22,21 +0,32% GGBR4 R$ 16,06 +0,06% ABEV3 R$ 14,65 +0,07% VALE3 R$ 56,40 -0,04%
EURO R$ 6,04 +0,21% DÓLAR R$ 5,34 +0,05% ITUB4 R$ 26,88 -0,26% MGLU3 R$ 79,60 +0,25% BBDC4 R$ 21,94 -2,27% IBOVESPA 99.171,57 pts +0,01% PETR4 R$ 22,21 +0,32% GGBR4 R$ 16,06 +0,06% ABEV3 R$ 14,65 +0,07% VALE3 R$ 56,40 -0,04%
Delay: 15 min

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos