EURO R$ 6,23 +0,02% ITUB4 R$ 28,71 +3,75% DÓLAR R$ 5,30 +0,00% MGLU3 R$ 15,87 -3,30% ABEV3 R$ 15,88 +0,51% GGBR4 R$ 27,00 +5,83% IBOVESPA 114.064,36 pts +1,59% BBDC4 R$ 20,72 +4,59% PETR4 R$ 26,84 +4,06% VALE3 R$ 78,91 -0,35%
EURO R$ 6,23 +0,02% ITUB4 R$ 28,71 +3,75% DÓLAR R$ 5,30 +0,00% MGLU3 R$ 15,87 -3,30% ABEV3 R$ 15,88 +0,51% GGBR4 R$ 27,00 +5,83% IBOVESPA 114.064,36 pts +1,59% BBDC4 R$ 20,72 +4,59% PETR4 R$ 26,84 +4,06% VALE3 R$ 78,91 -0,35%
Delay: 15 min
Últimas notícias

Serasa Experian: vendas no varejo físico na semana do Natal têm pior desempenho desde 2003

  • O resultado considera o período do dia 18 ao dia 24 de dezembro

(Estadão Conteúdo) – As vendas no varejo físico brasileiro na semana do Natal de 2020 tiveram queda de 10,3% ante o mesmo período de 2019, segundo o Indicador de Atividade do Comércio da Serasa Experian, registrando o pior desempenho da série histórica, iniciada em 2003.

O resultado considera o período do dia 18 ao dia 24 de dezembro e é calculado com base em uma amostra das consultas realizadas no banco de dados da Serasa Experian. Na análise do fim de semana, entre 18 e 20 de dezembro, a queda foi de 5,6% frente aos dias 20 a 22 do mesmo mês de 2019. Em São Paulo, a redução nas vendas foi menos significativa do que a média do País. Houve recuo de 7,8% na semana da data comemorativa e de 1,0% no fim de semana.

Em nota, os especialistas da Serasa Experian afirmam que o surgimento de uma segunda onda de contaminação de covid-19 afugentou o consumidor das lojas. Além disso, dizem, parte das vendas de Natal foi antecipada na Black Friday, período em que o movimento do varejo físico mostrou alta de 6,1%.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos