ITUB4 R$ 24,34 -2,33% EURO R$ 6,51 +0,18% MGLU3 R$ 13,73 -3,50% DÓLAR R$ 5,60 +0,17% BBDC4 R$ 20,98 -2,31% IBOVESPA 110.672,76 pts -3,28% GGBR4 R$ 27,83 -1,10% PETR4 R$ 28,01 -4,31% ABEV3 R$ 15,14 -3,14% VALE3 R$ 79,00 -0,93%
ITUB4 R$ 24,34 -2,33% EURO R$ 6,51 +0,18% MGLU3 R$ 13,73 -3,50% DÓLAR R$ 5,60 +0,17% BBDC4 R$ 20,98 -2,31% IBOVESPA 110.672,76 pts -3,28% GGBR4 R$ 27,83 -1,10% PETR4 R$ 28,01 -4,31% ABEV3 R$ 15,14 -3,14% VALE3 R$ 79,00 -0,93%
Delay: 15 min

Investimento não é cassino

Fabrizio Gueratto é especialista em investimentos, com mais de 15 anos de experiência, além de ser o apresentador e financista do Canal de YouTube 1Bilhão Educação Financeira, com mais de 300 mil inscritos e 12 milhões de visualizações em pouco mais de 1 ano de trabalho. Atualmente, com 36 anos de idade, Fabrizio é palestrante e autor do livro “De Endividado a Bilionário”.

Escreve às terças e quintas-feiras

Fabrizio Gueratto

A B3 (B3SA3) pode ter uma nova concorrente?

Queda das ações da bolsa aumenta especulações sobre a chegada de uma nova concorrente

b3
(Foto: Divulgação B3)
  • Há muito tempo existem rumores de uma possível concorrente para ela, alguns supõe que seja a XP Investimentos ou o BTG Pactual (BPAC1)

A B3 (B3SA3) tem sofrido nos últimos dias com queda de mais de 7%. Os investidores da bolsa de valores têm se preocupado desde o desdobramento proposto por uma reunião do conselho de administração. Há muito tempo existem rumores de uma possível concorrente para ela, alguns supõe que seja a XP Investimentos ou o BTG Pactual (BPAC1).

Contudo, a B3 não funciona apenas como bolsa de valores, existe uma barreira de entrada que é grande. Sendo questionável se existe demanda para mais uma bolsa de valores no país, a concorrência é inevitável, mas não imediata. Além de um grande potencial de crescimento, visto que não existem nem 4 milhões de CPFs na Bolsa.

Com o aumento da taxa de juros, a especulação dos investidores cresce ainda mais. Mas é importante ressaltar que com a média de 6% a 7% ainda é possível obter retorno em fundos imobiliários, dividendos ou ações adquiridas por um bom stock picking.

XP Investimentos

Além de agir como uma intermediária, a B3  atua como contraparte e entrega um sistema validado pelo tempo. Embora a XP Investimentos seja capaz de fornecer tal estrutura, o tempo de mercado e credibilidade são entraves para que ela se torne uma concorrente. A empresa sediada em São Paulo demorou para atingir o patamar dos 3 milhões de investidores, é referência mundial em estabilidade e segurança.

Enquanto a concorrência não chega, a B3 pode se reinventar. Um provável concorrente seria um cliente da empresa, que possui em mãos muitos dados adquiridos com o tempo.

Mas, a instituição não é tão simples quanto parece, visto que tem dificuldades em apresentar de onde vem sua receita. A recomendação de compra das ações permanece forte, com a taxa de juros podendo sair de onde está. Mesmo que não haja espaço para uma sósia da B3, é mais recomendável o surgimento de uma bolsa segmentada, já que não existe liquidez no mercado para uma empresa que detenha os mesmos papéis.

Nos Estados Unidos, diversas bolsas coexistem. Contudo, elas atuam em nichos diferenciados. Já no Brasil, talvez haja espaço para uma bolsa que se concentre apenas no agronegócio, setor forte no país e com alta demanda.

Lucro

Em questão de preço e múltiplos, é tido que a B3  negocia abaixo de seu lucro médio, que atinge cerca de 32 vezes contra as 22 vezes em que é negociada no momento. Esse desconto está ligado a uma possível concorrência, que não chegará agora, mas que um dia poderá vir na forma de uma instituição segmentada.

Essa especulação começou com um relatório da empresa JP Morgan Brasil. No início de junho, a B3 anunciou a saída de José Berenguer após sua renúncia ao cargo de membro do conselho da instituição. Então, as notícias trouxeram um interesse da bolsa em lidar com criptomoedas, ativos conflitantes com o mercado acionário tradicional para um presidente da XP.

Em 2020, a corretora de valores fechou a XDEX devido à entrada do Banco Itaú como sócio da empresa dona.

CVM (Comissão de Valores Mobiliários)

Em manifestação sobre a existência de concorrentes, a CVM (Comissão de Valores Mobiliários) declarou não ter feito normas nem a favor ou contra. Contudo, é importante ressaltar que é mais fácil fiscalizar apenas uma bolsa, do que várias.

Não sendo vantajoso para o próprio regulador tomar conta de diversas bolsas com um orçamento limitado, como é o caso da CVM, que não consegue acompanhar todos os episódios de insight e lançamentos. O próprio Banco Central não quer outros bancos, visto que barra o surgimento de novas instituições, exigindo a compra de uma já existente no mercado.

B3 (B3SA3) OU XP Investimentos

Os investidores estão em dúvida sobre qual instituição devem acreditar. A B3 possui um potencial de upsite, visto que a XP andou muito mais do que a bolsa desde que começou a ser recomendada. No último dia (9), o fechamento da bolsa detinha um upside de 64%, enquanto a corretora fechava em 19%.

Se o investidor acredita na XP como uma ameaça para a B3, é aconselhável a compra dos papéis da corretora. Já para os que não duvidam do monopólio exercido pela bolsa de valores, a balança deve pesar nas ações da instituição financeira. A exemplo do Warren Buffett, que errou ao vender as aéreas na mínima, mas que acertou ao virar um investidor do Nubank.

Assista ao vídeo exclusivo sobre a nova concorrente da B3 (B3SA3):

Invista em oportunidades que combinam com seus objetivos. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos