Educação Financeira

Caso 123milhas: como não cair em ciladas na hora de planejar sua viagem?

O planejamento financeiro é a principal estratégia para evitar dor de cabeça. Veja as dicas de especialistas em finanças

Caso 123milhas: como não cair em ciladas na hora de planejar sua viagem?
Viagens programadas com antecedência ajudam a economizar. Foto: Pixabay
  • O caminho mais eficiente para viajar dentro do melhor custo-benefício ainda é a pesquisa de preços
  • Empresas com bom histórico e mais sólidas no mercado muitas vezes oferecem preços mais altos, mas trazem maior tranquilidade
  • Buscadores de preços ainda são uma excelente opção para encontrar passagens aéreas com tarifas mais baixas

O caso 123Milhas fez muita gente se lembrar uma velha e conhecida lição popular: o barato, muitas vezes, pode sair caro. A empresa anunciou a suspensão de emissão de passagens aéreas promocionais até dezembro, deixando consumidores sem o serviço prometido e descontentes com a política de reembolso. Veja a cobertura do caso no Estadão.

A polêmica ensina mais uma vez que não há milagres – e nem almoço grátis – pois alguém sempre terá de pagar a conta daqueles que conseguiram vantagem anteriormente. O caminho mais eficiente para viajar dentro do melhor custo-benefício ainda é a tradicional pesquisa de mercado, diz Nayra Sombra, sócia da HCI Invest e planejadora financeira CFP pela Planejar.

Se programadas com um ano de antecedência, aconselha a especialista, há tempo de sobra para realizar consulta de preços de passagem, hospedagem e passeios, comparando preços em pelo menos três serviços diferentes.

Publicidade

Conteúdos e análises exclusivas para ajudar você a investir. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

Aproveitar as datas promocionais como Black Friday ou Semana do Consumidor pode ser um caminho desde que o negócio seja feito com companhias sérias. “Antes de fechar, consulte o histórico da empresa no Reclame Aqui”, aconselha a especialista.

Empresas mais sólidas em  nome da tranquilidade

Empresas com bom histórico e mais sólidas no mercado muitas vezes oferecem preços mais altos, mas, em nome da tranquilidade e segurança, recorrer a elas pode ser o mais adequado. “O consumidor precisa ter cuidado com ofertas mirabolantes”, diz o diretor comercial e de varejo do Grupo B&T, Tulio Portella. “Não é porque está aparecendo na TV que significa que a operação é correta e sustentável”, afirma.

Na avaliação do especialista, o cliente precisa buscar informações sobre a idoneidade, solidez e tempo de mercado do serviço que está contratando sob pena de ter dor de cabeça.

Aliado a uma boa estratégia, o planejamento pode ajudar a realizar viagens econômicas e satisfatórias. Nayra Sombra conta que viagens curtas e recorrentes podem ajudar no acúmulo de milhas, que ajudam a pagar viagens de férias e destinos mais distantes.

“É preciso saber como acumular e o momento certo de usar milhas e pontos para não desperdiçar e nem pagar caro”, diz a especialista, lembrando que o pagamento à vista costuma ser sempre vantajoso. Para isso, no entanto, é necessário ter os recursos disponíveis. “Caso ainda não tenha, ou adie os planos ou parcele sem juros.” ensina.

Buscadores e outras técnicas

Os buscadores de preços ainda são uma excelente opção para encontrar passagens aéreas com tarifas mais baixas. Dica: fazer a pesquisa por meio de uma aba anônima e em período noturnos, a partir da meia-noite de sexta a domingo, uma atenção que costuma gerar boas oportunidades.

Como a demanda por voos é menor de terça a quinta, as passagens marcadas para esses dias da semana tendem a ser mais baratas. “As empresas de passagens aéreas também fazem promoção em dias com menos demanda”, diz a educadora financeira Aline Soaper.

Usar os sites das próprias companhias aéreas pode garantir uma certa tranquilidade em relação à compra, mas nem sempre o melhor preço, porque as agências de viagens on-line frequentemente negociam tarifas mais baixas por realizarem compras em grandes lotes.

Em resumo: até para realizar uma viagem de férias é necessário ter planejamento financeiro. Sem isso, aumentam as chances de o consumidor cair em situações complicadas ao buscar facilidades. “Há diversas formas de economizar, mas isso demanda organização e planejamento financeiro”, diz Portella.

Principais dicas:

• Use buscadores de preços: sites e aplicativos de busca de passagens, como o Google Flights, Skyscanner, Kayak, Expedia, Momondo, e muitos outros, podem comparar tarifas de várias companhias aéreas e agências de viagens online. Eles também oferecem recursos de filtragem e alerta de preço, que podem ajudar a encontrar as melhores ofertas.

Publicidade

• Seja flexível nas datas: se você tiver flexibilidade nas datas de viagem, use ferramentas de busca que mostrem um calendário de preços. Isso permite que você veja facilmente quais datas têm as tarifas mais baixas.

• Reserve com antecedência: em geral, as passagens tendem a ser mais baratas quando reservadas com antecedência. Tente reservar sua passagem com algumas semanas de antecedência, se possível.

• Evite viajar em alta temporada: as passagens aéreas tendem a ser mais caras durante os períodos de alta demanda, como feriados e férias escolares. Se puder, planeje suas viagens para fora desses períodos.

• Seja flexível com o aeroporto: às vezes, voar de ou para aeroportos alternativos próximos pode ser mais barato do que usar o aeroporto principal de uma cidade.

• Assine newsletters e alertas: muitas companhias aéreas e sites de reserva oferecem newsletters e alertas por e-mail que informam sobre promoções e ofertas especiais.

Publicidade

• Considere pacotes de viagem: às vezes, reservar um pacote de viagem que inclui passagens aéreas, hotel e aluguel de carro pode resultar em economias significativas.

• Use milhas e pontos: se você faz parte de programas de fidelidade de companhias aéreas ou cartões de crédito que acumulam milhas ou pontos, pode usá-los para obter descontos em passagens aéreas.

• Esteja atento a ofertas relâmpago: algumas companhias aéreas e agências de viagens oferecem promoções relâmpago com tarifas substancialmente reduzidas. Fique atento a essas ofertas.

• Negocie preços: em alguns casos, você pode ligar diretamente para a companhia aérea e pedir um desconto, especialmente se encontrar a mesma tarifa mais barata em outro lugar.

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos