Educação Financeira

Imposto de Renda 2024: quais as vantagens de declarar com antecedência?

O documento pode gerar dúvidas e, por isso, muitos contribuintes acabam deixando o envio para a última hora

Imposto de Renda 2024: quais as vantagens de declarar com antecedência?
Imposto de Renda 2024 (Foto: Envato Elements)

Imposto de Renda (IR) 2024 deve ser entregue até o dia 31 de maio e declarado por aqueles que se encaixam nos requisitos estabelecidos pela Receita Federal. Apesar do extenso prazo, o preenchimento do documento pode gerar diversas dúvidas e, por isso, muitos contribuintes acabam deixando o envio para a última hora. Essa ação, contudo, pode gerar complicações ao contribuinte e por isso, é recomendável que se faça a declaração com antecedência.

Para começar, demorar para responder o IR inclui o risco de não preenchê-lo da forma correta ou omitir informações que podem levar o cidadão à malha fina. Assim, é recomendável que o contribuinte utilize a declaração pré-preenchida disponibilizada pela Receita.

O serviço dispõe de campos como informações de rendimentos, bens, serviços médicos e deduções já respondidos considerando a base de dados do órgão. Essa é forma de agilizar o processo de levantamento dos dados, mas é fundamental a verificação de cada informação para constatar a sua veracidade.

Publicidade

Conteúdos e análises exclusivas para ajudar você a investir. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

É importante lembrar que, neste ano, o prazo final coincide com a emenda do feriado de Corpus Christi, no dia 30 de maio. Portanto, é possível que os cidadãos se deparem com maiores dificuldades para entrar em contato com fontes que podem tirar dúvidas sobre os informes e outros documentos solicitados.

Outro problema comum que pode surgir está relacionado ao site da Receita. Como muitas pessoas acabam deixando para enviar a declaração em cima da hora, a plataforma costuma passar por instabilidades no dia final do prazo em razão do alto volume de acessos.

Entregar o IR com antecedência traz ainda um benefício a mais: a possibilidade de não ficar no final da fila para receber a restituição. Isso acontece porque a Receita possui uma lista de prioridade para fazer a devolutiva. Quando ocorre empate nos critérios, é dada a preferência para as pessoas que entregaram a declaração com antecedência e não tiveram nenhum problema com o Fisco.

A prioridade, contudo, começa nos idosos acima de 80 anos. Em seguida, estão os os que possuem mais do que 60 anos e com deficiência ou moléstia grave. Em terceiro lugar estão os contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério. Na sequência, estão os que fizeram a declaração pré-preenchida ou indicaram Pix para a devolutiva.

Para saber quando serão entregues os lotes da restituição, confira essa reportagem.

Publicidade

O não preenchimento dos documentos e a inscrição de dados incorretos até o fim do prazo legal está sujeito a multa. Enquanto não enviar a declaração, o CPF fica na situação “pendente de regularização”.

Tudo que você precisa saber sobre o Imposto de Renda 2024

Vale lembrar que a declaração do IR em 2024 deve ser entregue até o dia 31 de maio. Para ajudar os contribuintes no processo, o E-Investidor também disponibiliza gratuitamente o E-book do IR 2024, com informações atualizadas para sanar as principais dúvidas dos leitores. O material completo pode ser acessado neste link.

@estadao 💻💰 Vai declarar o Imposto de Renda pela primeira vez e não sabe por onde começar? O E-Investidor te ajuda nessa tarefa. No vídeo, você encontra as respostas para as principais dúvidas sobre o IR. Fique ligado e não perca o prazo de declaração! #impostoderenda #receitafederal #tiktoknotícias ♬ som original – Estadão