EURO R$ 6,13 +0,07% DÓLAR R$ 5,37 +0,00% MGLU3 R$ 81,39 -0,13% ITUB4 R$ 27,37 -0,26% PETR4 R$ 23,34 +0,00% IBOVESPA 101.790,54 pts +1,34% BBDC4 R$ 22,70 +0,00% ABEV3 R$ 14,30 +0,07% GGBR4 R$ 16,65 +0,60% VALE3 R$ 61,79 +0,00%
EURO R$ 6,13 +0,07% DÓLAR R$ 5,37 +0,00% MGLU3 R$ 81,39 -0,13% ITUB4 R$ 27,37 -0,26% PETR4 R$ 23,34 +0,00% IBOVESPA 101.790,54 pts +1,34% BBDC4 R$ 22,70 +0,00% ABEV3 R$ 14,30 +0,07% GGBR4 R$ 16,65 +0,60% VALE3 R$ 61,79 +0,00%
Delay: 15 min
Mercado

Por que Via Varejo (VVAR3), Embraer (EMBR3) e Pão de Açúcar (PCAR3) tiveram os melhores desempenhos do dia na Bolsa

Os três papéis registraram as maiores altas no pregão da B3 desta segunda-feira

Caixa do Pão de Açúcar (Foto: Tiago Queiroz/Estadão Conteúdo)
  • O Ibovespa encerrou o pregão desta segunda-feira (29) em alta de 2,03%, aos 95.735,35 pontos, e teve giro financeiro de R$ 22,4 bilhões
  • As três ações que mais ganharam preço no dia foram Via Varejo (VVAR3), Embraer (EMBR3) e Pão de Açúcar (PCAR3)

O Ibovespa encerrou o pregão desta segunda-feira (29) em alta de 2,03%, aos 95.735,35 pontos, e teve giro financeiro de R$ 22,4 bilhões.

O mercado de ações mostrou um maior otimismo por parte dos investidores, o que teve reflexos principalmente na Embraer e nas ações do segmento de varejo. A fabricante de aeronaves foi influenciada por sinais positivos vindos de companhias aéreas no exterior. Entre as maiores altas do Ibovespa, também ficaram Via Varejo, GPA e BRMalls.

As três ações que mais ganharam preço no dia foram Via Varejo (VVAR3), Embraer (EMBR3) e Pão de Açúcar (PCAR3).

Confira o que influenciou o desempenho desses três papéis.

Via Varejo (VVAR3): +7,63%

Entre idas e vindas, a Via Varejo tem hoje cerca de 70% de lojas reabertas, segundo o presidente da companhia, Roberto Fulcherberguer. Ele diz que o número é flutuante, pois muitas cidades regrediram na reabertura do comércio, em razão do aumento de contágio do novo coronavírus. As 1.070 lojas que a companhia possui, porém, podem passar por uma readequação.

“Podemos ser mais eficientes com a quantidade atual de lojas. Tem ruas em que temos 3 ou 4 lojas. Consigo ser mais produtivo? Vamos olhar para isso”, diz o CEO. Ele disse ainda que a companhia pode, sim, abrir novas lojas no nordeste e no norte do País. Nesse sentido, a empresa deve buscar fortalecer a capacidade logística na região Norte, assim que a companhia “destravar” operações por lá.

O analista da Necton Investimentos, Marcel Zambello, pontua que, com o avanço do índice e a expectativa de maior volume de vendas no trimestre, os investidores retomam o otimismo com a Via Varejo. “A venda de produtos do canal online continua crescendo muito e o pessoal tem visto a Via Varejo muito descontada em relação à Magazine Luiza, principal concorrente do setor”, diz o especialista.

Embraer (EMBR3): +7,54%

Embraer ON fechou em alta de 7,54%, na máxima do dia, enquanto a American Depositary Receipt (ADR) subiu 9,51%. O papel recupera parte das perdas acumuladas na semana passada, quando acumulou desvalorização superior a 10%.

Profissionais do mercado apontam notícias sobre a retomada de voos com disponibilidade da capacidade total pela American Airlines a partir da próxima quarta-feira (1º). Até agora, os voos disponíveis respeitam regra de distanciamento entre os passageiros.

Segundo operadores, é mais uma sinalização de retomada das atividades do setor aéreo, importante para a fabricante de aeronaves brasileira.

Hoje, a Embraer anunciou a entrega de aeronaves, como a terceira C-390 Millennium à Força Aérea Brasileira (FAB), e o primeiro jato Phenom 300E para o Dunham & Jones, P.C., escritório de advocacia do Texas (EUA).

Pão de Açúcar (PCAR3): +5,94%

Sobre o GPA, Jorge Junqueira, sócio da Gauss Capital, diz que o movimento é de ajuste de preços dos papéis de supermercados, que estariam descontados. Carrefour ON subiu 1,74%. “Há muita gente comparando os múltiplos do setor com os múltiplos das varejistas, os múltiplos deles estão mais baixos”, aponta. Ele destaca ainda o aumento de preços registrados nos supermercados em São Paulo em maio. “Essa dinâmica de vendas está vindo positiva para eles”, pontua Junqueira.

Em 2020, até o mês de maio, os supermercados paulistas registram alta de 3,67% em sua média de preços. Em 2019, até maio, a alta de preços acumulada era de 3%. Os dados, adiantados ao Broadcast, são do Índice de Preços dos Supermercados (IPS), calculado pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) e pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

*Com Estadão Conteúdo

Invista com o apoio de assessores especializados. Cadastre-se na Ágora Investimentos
EURO R$ 6,13 +0,07% DÓLAR R$ 5,37 +0,00% MGLU3 R$ 81,39 -0,13% ITUB4 R$ 27,37 -0,26% PETR4 R$ 23,34 +0,00% IBOVESPA 101.790,54 pts +1,34% BBDC4 R$ 22,70 +0,00% ABEV3 R$ 14,30 +0,07% GGBR4 R$ 16,65 +0,60% VALE3 R$ 61,79 +0,00%
EURO R$ 6,13 +0,07% DÓLAR R$ 5,37 +0,00% MGLU3 R$ 81,39 -0,13% ITUB4 R$ 27,37 -0,26% PETR4 R$ 23,34 +0,00% IBOVESPA 101.790,54 pts +1,34% BBDC4 R$ 22,70 +0,00% ABEV3 R$ 14,30 +0,07% GGBR4 R$ 16,65 +0,60% VALE3 R$ 61,79 +0,00%
Delay: 15 min

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos