EURO R$ 6,30 -0,78% MGLU3 R$ 8,06 -7,36% ITUB4 R$ 22,81 -1,89% DÓLAR R$ 5,59 -0,39% BBDC4 R$ 20,42 -4,00% PETR4 R$ 28,47 -3,88% GGBR4 R$ 25,55 -2,63% IBOVESPA 102.224,26 pts -3,39% ABEV3 R$ 16,69 -3,13% VALE3 R$ 68,64 -2,64%
EURO R$ 6,30 -0,78% MGLU3 R$ 8,06 -7,36% ITUB4 R$ 22,81 -1,89% DÓLAR R$ 5,59 -0,39% BBDC4 R$ 20,42 -4,00% PETR4 R$ 28,47 -3,88% GGBR4 R$ 25,55 -2,63% IBOVESPA 102.224,26 pts -3,39% ABEV3 R$ 16,69 -3,13% VALE3 R$ 68,64 -2,64%
Delay: 15 min
Mercado

Fechamento de Mercado: Ibovespa encerra com alta superior a 1%

b3
(Foto: Divulgação B3)

O pregão da quinta-feira foi de liquidez reduzida em função do feriado americano do dia de Ação
de Graças que deixou os mercados por lá fechados. Na Europa, a maioria das bolsas encerrou em
alta. O foco dos investidores esteve na divulgação da ata do banco central europeu (BCE). O
documento destacou que as pressões nos preços são mais persistentes do que o projetado, mas a
recuperação segue forte, ainda que tenha perdido um pouco de fôlego recentemente. Quanto aos
casos de covid-19, a expectativa de como os governos vão lidar com a piora da pandemia na região
continua no radar do mercado. Entretanto, hoje, esta preocupação com o crescente número de
novos casos foi deixada de lado pelos investidores.

No Brasil, o grande destaque em termos de dados econômicos foi a divulgação do IPCA-15 de novembro logo pela manhã. O indicador avançou 1,17% na variação mensal, ficando ligeiramente acima da expectativa do mercado (1,13%), mas desacelerando em relação a leitura do mês anterior (1,20%). A abertura dos dados mostra que gasolina foi o maior impacto individual no índice do mês (0,40 p.p.). O IPCA-15 já acumula alta de 9,57% no ano e, em 12 meses, alta de 10,73%. No mercado de juros, apesar da surpresa altista do IPCA-15 de novembro, o dia foi de alívio de prêmios em função de uma declaração suave do presidente do BC, Roberto Campos Neto, dada ontem. Os ativos locais mostraram performance positiva na sessão de hoje com o real se apreciando frente ao dólar ainda que no exterior o comportamento das moedas pares fosse misto.

Já o Ibovespa defendeu a marca dos 105 mil pontos com o apoio da Petrobras após apresentação do seu plano estratégico para o período de 2022-2026 e impulsionado também pelo setor financeiro. Assim, ao final do pregão, o Ibovespa encerrou aos 105.811 pontos, com alta de 1,24% e giro financeiro de R$ 27 bilhões. O dólar vs. real, por sua vez, encerrou em baixa de 0,53%, cotado a R$ 5,56. Na agenda desta sexta-feira, destaque para a divulgação da nota de crédito e os dados do CAGED com a criação de empregos no mercado formal no Brasil.

 

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos