EURO R$ 5,20 -0,02% DÓLAR R$ 5,07 +0,00% BBDC4 R$ 19,50 +1,09% MGLU3 R$ 3,57 +17,43% ABEV3 R$ 15,19 +0,40% ITUB4 R$ 26,70 +1,06% PETR4 R$ 31,67 +7,06% GGBR4 R$ 26,12 +2,11% IBOVESPA 112.764,26 pts +2,78% VALE3 R$ 70,00 +1,23%
EURO R$ 5,20 -0,02% DÓLAR R$ 5,07 +0,00% BBDC4 R$ 19,50 +1,09% MGLU3 R$ 3,57 +17,43% ABEV3 R$ 15,19 +0,40% ITUB4 R$ 26,70 +1,06% PETR4 R$ 31,67 +7,06% GGBR4 R$ 26,12 +2,11% IBOVESPA 112.764,26 pts +2,78% VALE3 R$ 70,00 +1,23%
Delay: 15 min
Mercado

Ibovespa na semana: Cielo (CIEL3), Sabesp (SBSP3) e Meliuz (CASH3) são os destaques positivos

Índice subiu 2,09% no período, passando de 119.081,13 pontos para 121.570,15 pontos

Ibovespa na semana: Cielo (CIEL3), Sabesp (SBSP3) e Meliuz (CASH3) são os destaques positivos
Sede da Cielo (Foto: Gabriela Biló/ Estadão)
  • O Ibovespa na semana terminou em alta de 2,09%, passando de 119.081,13 pontos para 121.570,15 pontos
  • As três ações que mais subiram na semana foram Cielo (CIEL3), Sabesp (SBSP3) e Meliuz (CASH3)

O Ibovespa na semana terminou em alta de 2,09%, passando de 119.081,13 pontos para 121.570,15 pontos. Entre os principais assuntos do período, está a queda do petróleo em função da liberação de reservas norte-americanas. Somente nos últimos cinco dias, o barril de Brent, referência para a Petrobras, desabou 13,51%, aos US$ 104,35.

A queda da commodity provocou um alívio na curva de juros. Os títulos do Tesouro Direto também viram seu rendimento diminuir na semana. Além disso, os investidores continuaram a monitorar o desenrolar da guerra entre Rússia e Ucrânia e os dados de emprego dos EUA, que vieram abaixo das expectativas.

Na segunda (28) e na quinta (31), o principal índice de ações da B3 fechou em queda de 0,29% e 0,22%, respectivamente. Na terça (29), quarta (30) e sexta (1), o indicador engatou valorizações de 1,07%, 0,20% e 1,31%, respectivamente.

O dólar e o euro continuaram a ceder perante o real. A divisa norte-americana fechou a semana em baixa de 1,68%, enquanto a reserva de valor europeia desvalorizou 1,11%..

As três ações que mais subiram na semana foram Cielo (CIEL3), Sabesp (SBSP3) e Meliuz (CASH3).

Confira o que influenciou o desempenho dos ativos:

Cielo (CIEL3): 16,26%, R$ 3,36

As ações da Cielo lideram os ganhos acumulados na semana, incentivados pela expectativa de que a empresa recupere, de forma gradual, a lucratividade nos próximos trimestres, dado os reajustes de preço nos produtos de antecipação de recebíveis ofertados pela empresa. Os papéis subiram 16,26% na semana, cotados a R$ 3,36.

Os papéis subiram 8,04% no primeiro pregão de abril. No ano, acumulam queda de 47,37%.

Sabesp (SBSP3): 14,34%, R$ 51,27

Os papéis da Sabesp reverteram, nesta semana, a queda sofrida após a divulgação do balanço do quarto trimestre de 2021. A SBSP3 ganhou tração nos últimos dois pregões, justificado pelo reposicionamento de carteiras dos investidores, acumulando ganhos de 14,34% na semana, a R$ 51,27.

Os papéis subiram 7,46% no primeiro pregão de abril. No ano, acumulam queda de 27,60%.

Meliuz (CASH3): 12,45%, R$ 2,80

A continuidade da entrada do fluxo de investimento estrangeiro na B3 fortaleceu os ativos de crescimento, como a Méliuz.  CASH3 subiu 12,45% na semana, a R$ 2,80.

Os papéis subiram 9,37% no primeiro pregão de abril. No ano, acumulam queda de 13,58%.

*Com Estadão Conteúdo

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos