EURO R$ 5,24 +0,05% MGLU3 R$ 4,15 +2,97% DÓLAR R$ 5,15 +0,00% BBDC4 R$ 19,71 +1,60% ABEV3 R$ 15,50 +0,45% ITUB4 R$ 27,24 +1,04% PETR4 R$ 32,01 +0,91% GGBR4 R$ 24,43 -2,08% VALE3 R$ 69,95 +2,34% IBOVESPA 113.512,38 pts +0,43%
EURO R$ 5,24 +0,05% MGLU3 R$ 4,15 +2,97% DÓLAR R$ 5,15 +0,00% BBDC4 R$ 19,71 +1,60% ABEV3 R$ 15,50 +0,45% ITUB4 R$ 27,24 +1,04% PETR4 R$ 32,01 +0,91% GGBR4 R$ 24,43 -2,08% VALE3 R$ 69,95 +2,34% IBOVESPA 113.512,38 pts +0,43%
Delay: 15 min
Últimas notícias

Perspectivas econômicas se deterioraram intensamente, diz Bailey

Bailey destacou que um dos motivos é que os BC's estarem apertando a política monetária contra a inflação

Perspectivas econômicas se deterioraram intensamente, diz Bailey
Sede Banco da Inglaterra (BoE). Foto: REUTERS/Toby Melville

Por Letícia Simionato – O presidente do Banco da Inglaterra (BoE), Andrew Bailey, afirmou hoje que, desde o último Relatório de Estabilidade Financeira, publicado em dezembro do ano passado, as perspectivas econômicas globais se “deterioraram acentuadamente”, e as condições financeiras globais como um todo se “apertaram significativamente”.

Em coletiva de imprensa após a divulgação do novo relatório sobre condições financeiras nesta terça-feira, Bailey destacou que um dos motivos é o fato de os bancos centrais ao redor do mundo estarem apertando a política monetária em resposta à inflação. “A invasão da Ucrânia pela Rússia também é um fator-chave que está afetando a perspectiva econômica global”, completou.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos