Publicidade

Tempo Real

BTG Pactual faz duas alterações em sua carteira de ações para abril

Em março, a carteira 10SIM apresentou avanço de 1,1%, ante queda de 0,71% do Ibovespa

BTG Pactual faz duas alterações em sua carteira de ações para abril
(Foto: BTG Pactual)

O BTG Pactual anunciou duas trocas em sua carteira de ações (10SIM) recomendada para abril.

Saíram os papéis de Equatorial (EQTL3) e Raízen (RAIZ4), entraram os de Eletrobras (ELET3) e Stone (STOC31). O portfólio completo segue com Petrobras (PETR3;PETR4), Itaú (ITUB4), Localiza (RENT3), B3 (B3SA3), Embraer (EMBR3), Mercado Livre (MELI34), Cyrela (CYRE3) e Lojas Renner (LREN3).

Em relatório, o banco explica que “a Eletrobras está de volta a 10SIM, substituindo a Equatorial. Os preços da energia parecem estáveis nos níveis atuais, enquanto a reestruturação da empresa deverá continuar a gerar resultados.

Publicidade

Invista em oportunidades que combinam com seus objetivos. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

Mantemos Petrobras na 10SIM por mais um mês. Apesar da decepcionante decisão de não pagar dividendos extraordinários, ainda modelamos um dividend yield ordinário de 13% (potencialmente atingindo 15%, dependendo da produção e dos preços do petróleo)”, diz.

No caso da Stone, o BTG afirma que “estamos cada vez mais confiantes de que a empresa pode ir além de pagamentos, os resultados têm sido mais fortes do que o esperado e as ações estão sendo negociadas a 12x P/L para 2024 e 10x para 2025 [de acordo com estimativas do banco para 2024 e 2025], o que consideramos atraente. Itaú e B3 permanecem no portfólio, aumentando nossa exposição a serviços financeiros para 30%”, destaca.

Em março, a carteira 10SIM apresentou avanço de 1,1%, ante queda de 0,71% do Ibovespa.