EURO R$ 6,23 -0,01% ITUB4 R$ 28,71 +3,75% DÓLAR R$ 5,30 +0,00% ABEV3 R$ 15,88 +0,51% MGLU3 R$ 15,87 -3,30% GGBR4 R$ 27,00 +5,83% BBDC4 R$ 20,72 +4,59% IBOVESPA 114.064,36 pts +1,59% VALE3 R$ 78,91 -0,35% PETR4 R$ 26,84 +4,06%
EURO R$ 6,23 -0,01% ITUB4 R$ 28,71 +3,75% DÓLAR R$ 5,30 +0,00% ABEV3 R$ 15,88 +0,51% MGLU3 R$ 15,87 -3,30% GGBR4 R$ 27,00 +5,83% BBDC4 R$ 20,72 +4,59% IBOVESPA 114.064,36 pts +1,59% VALE3 R$ 78,91 -0,35% PETR4 R$ 26,84 +4,06%
Delay: 15 min
Últimas notícias

Ibovespa tem alta discreta puxada por recuperação de Ambev

(Reuters) – O Ibovespa fechou com um acréscimo discreto nesta segunda-feira, com a recuperação das ações da Ambev contrabalançando o declínio dos papéis da Vale e de bancos, enquanto agentes financeiros continuaram calculando os reflexos de medidas fiscais propostas pelo governo federal na segunda fase da reforma tributária.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa encerrou com variação positiva de 0,14%, a 127.429,17 pontos, tendo alcançado 126.628,95 pontos na mínima da sessão e recuperado momentaneamente o patamar dos 128 mil pontos na máxima. O volume financeiro no pregão somou 28,4 bilhões de reais.

“Ainda foi um dia de interpretação da reforma tributária”, avaliou o estrategista da RB Investimentos Gustavo Cruz. Ele observou um movimento mais ponderado, com reação de ações que foram mais penalizadas na sexta-feira, uma vez que parte das medidas apresentadas pode nem ser colocada em prática.

O Ibovespa fechou abaixo dos 128 mil pontos pela primeira vez no mês na sexta-feira, reagindo à proposta da segunda etapa da reforma tributária, que trouxe, entre outras mudanças, a tributação sobre dividendos e a eliminação do mecanismo juros sobre capital próprio (JCP).

Na visão de Cruz, o mercado respondeu na sexta-feira como se medidas propostas fossem o novo cenário, sem espaço para negociação, “algo que não parece muito provável dado o histórico recente”. Ele lembrou que as reformas encaminhadas pelo governo tem adotado um texto mais amplo, com “gordura” para negociações.

Wall Street fechou com novos recordes para o Nasdaq e o S&P 500, uma vez que a queda nos rendimentos dos Treasuries favoreceu a alta de papéis de tecnologia. O movimento reverberou no pregão brasileiro, com ações domo Locaweb e Totvs também entre os destaques de alta.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos