Publicidade

Ana Paula Hornos, colunista do E-Investidor (Foto: Divulgação)

Mente sã em bolso são

Ana Paula Hornos é psicóloga clínica, autora e comunicadora. Como especialista no despertar do potencial humano, do individual ao coletivo, dedica-se a ajudar pessoas na busca do bem-estar integral, unindo propósito, carreira, saúde financeira e atitudes conscientes para melhores resultados. Professora, mestre em psicologia e engenheira pela USP, com MBA em finanças pelo INSPER e especializações pela FGV e IMD, possui mais de 20 anos de experiência como executiva e empresária. Foi diretora de grandes empresas nacionais como o Grupo Pão de Açúcar e membro de Conselho de Administração da Essencis Ambiental. No E-Investidor, fala sobre finanças, comportamento, vida profissional e atitude ESG.

@anapaulahornos

Escreve às segundas-feiras, a cada 15 dias.

Ana Paula Hornos

O que toda mulher em busca do sucesso financeiro precisa saber

Veja sete importantes estratégias que podem ajudar mulheres em suas carreiras e na organização financeira

O que toda mulher em busca do sucesso financeiro precisa saber
(Foto: Envato Elements)
  • Aprender a fazer um orçamento, conhecer suas receitas e despesas são fundamentais para fazer escolhas certas
  • Mantenha-se informada sobre finanças pessoais, impostos, investimentos e economia
  • Separe todo mês pelo menos 20% da sua receita líquida para construir reservas

A entrada na vida adulta é acompanhada pela expectativa de autonomia, liberdade e aventura, mas vem carregada de inúmeros desafios. Especialmente para as jovens mulheres nos seus 20 e poucos anos.

Além das responsabilidades da vida acadêmica, carreira, gestão financeira, saúde mental e física, enfrentam questões específicas como a busca por igualdade no ambiente de trabalho, a conciliação entre a vida profissional e pessoal, e, muitas vezes, a pressão social por padrões de beleza e comportamento.

No espírito do Dia Internacional da Mulher, reúno sete importantes estratégias que podem ajudar mulheres a enfrentar desafios em suas carreiras e na organização financeira:

  1. Lute por sua independência financeira: empoderamento financeiro é, acima de tudo, uma batalha interna. Especialmente para mulheres, cujos estímulos sociais e culturais muitas vezes vão na direção contrária, alimentam crenças limitantes e comportamentos prejudiciais. A autonomia pessoal promove um senso de controle sobre a própria vida para seguir seus interesses, paixões e objetivos. Favorece o exercício da própria identidade, fortalece a autoestima e contribui para uma sensação de realização e propósito na vida.
  2. Faça orçamento: ter planilha de orçamento é ter poder! Poder sobre a própria vida, controle sobre suas decisões presentes e futuras. Aprender a fazer um orçamento, conhecer suas receitas e despesas são fundamentais para fazer escolhas certas e gerir seu dinheiro de forma eficaz.
  3. Construa reservas: tão importante quanto passar protetor solar diariamente e levar a sério a rotina de “skin care” (cuidados com a pele), é estabelecer o hábito de poupar. Separe todo mês pelo menos 20% da sua receita líquida para construir reservas. É importante para preparar a aposentadoria e ter o equivalente de três a seis meses de despesas como reserva de emergência. Isso vai proporcionar a você estabilidade e segurança mediante qualquer oscilação econômica que venha enfrentar.
  4. Estude sempre: o aprendizado contínuo enriquece, aumenta nossa autoestima e nos ajuda a desenvolver uma perspectiva mais ampla sobre a vida. Abre portas para novas oportunidades de carreira. Quando o assunto é dinheiro, a educação financeira é um processo contínuo. Mantenha-se informada sobre finanças pessoais, impostos, investimentos e economia.
  5. Networking e rede de apoio: construa e mantenha redes de apoio profissionais e pessoais. Relacionamentos genuínos nos sustentam ao longo da vida em todas as dimensões. Somos seres relacionais! Assim como oportunidades ao longo da vida profissional, nossa saúde mental e longevidade dependem de afeto, amor e boas relações.
  6. Respeite-se: cultivar respeito próprio é construir uma fortaleza interior de proteção das imposições do mundo. Ajuda a seguir pelo caminho da vida com confiança, autenticidade e força. É saber o quanto você vale, independentemente do que os outros dizem ou esperam de você. Quando você se respeita, aprende a ser fiel a si mesma, a viver de forma autêntica, seguindo seus próprios valores e sonhos. Isso inclui dizer “não” quando necessário e proteger-se de situações ou relacionamentos prejudiciais. Significa cuidar de você, respeitar seus sentimentos e necessidades.
  7. Mostre o melhor de você ao mundo: com confiança e autoconhecimento, acredite nas suas habilidades e valorize suas conquistas. Defina seus objetivos financeiros, pessoais, profissionais de curto e longo prazo. Tome a iniciativa, assuma as rédeas da sua própria vida. Busque projetos desafiadores e não tenha medo de sair da sua zona de conforto. Ao ter consciência de quem você é e do quanto você pode fazer a diferença e ter um impacto positivo nas vidas das pessoas, você se torna capaz de usar todo seu potencial para brilhar e iluminar o mundo ao seu redor!

Publicidade

Web Stories

Ver tudo
<
>

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos