ITUB4 R$ 24,76 +2,15% EURO R$ 6,33 -1,15% DÓLAR R$ 5,46 +0,00% MGLU3 R$ 14,56 +2,54% BBDC4 R$ 21,28 +5,24% IBOVESPA 114.647,99 pts +1,29% GGBR4 R$ 28,17 +0,21% ABEV3 R$ 15,53 -0,26% PETR4 R$ 29,60 -0,10% VALE3 R$ 80,68 +1,41%
ITUB4 R$ 24,76 +2,15% EURO R$ 6,33 -1,15% DÓLAR R$ 5,46 +0,00% MGLU3 R$ 14,56 +2,54% BBDC4 R$ 21,28 +5,24% IBOVESPA 114.647,99 pts +1,29% GGBR4 R$ 28,17 +0,21% ABEV3 R$ 15,53 -0,26% PETR4 R$ 29,60 -0,10% VALE3 R$ 80,68 +1,41%
Delay: 15 min
Investimentos

ETFs já movimentaram R$ 153 bilhões na B3 este ano

A média de movimentação diária de janeiro a maio é calculada em R$ 1,52 bilhão

ista de painel do índice Ibovespa, principal indicador da bolsa de valores paulista, a B3, que superou a marca de 100 mil pontos, nesta terça-feira (19). Investidores aguardam a tramitação da proposta da reforma da Previdência. 19/03/2019
Foto: Renato Cerqueira/Futura Press
  • Só em 2021, já foram 11 novos ETFs lançados na B3
  • "Devido às baixas taxas de juros, tivemos um grande salto no número de investidores pessoas físicas buscando novas oportunidades e diversificação de portfólio para investir e, com isso, vimos crescer também o interesse pelos ETFs", diz expecialista da B3

Os 40 fundos de índice listados da B3 somam R$ 153 bilhões em movimentação de janeiro a maio deste ano. O valor do patrimônio dos ativos cresceu 23% em relação ao mesmo período de 2020, passando de R$ 38 bilhões para 47 bilhões. Os dados são da própria instituição.

Com a sigla ETF (exchange traded funds), esse tipo de ativo faz sucesso na carteira dos investidores.
Só em 2021, já foram 11 novos ETFs lançados na B3. Do total disponível para os investidores, sete são de renda fixa e 33 de renda variável, sendo 20 nacionais e 13 internacionais.

A prova de que o investidor está apostando mais nessa classe de ativos foi o aumento da média de movimentação diária, que saltou de R$ 600 milhões em 2019, para R$ 1,46 bilhão em 2020. Este ano, o valor é calculado em R$ 1,52 bilhão.

ETF significa um investimento em diferentes ativos, ou seja, no preço de uma cota, o valor é dividido entre a lista de empresas que compõem um determinado índice. Dessa forma, o investidor tem, em um só ativo, a possibilidade de diversificar o direcionamento da alocação de recursos.

Média diária de negociações de ETF na B3
Janeiro a dezembro de 2019 R$ 600 milhões
Janeiro a dezembro de 2020R$ 1,46 bilhão
Janeiro a maio de 2021R$ 1,52 bilhão
Fonte: B3


Segundo a B3, os três fundos de índice mais negociados foram BOVA11, o BOVV11 e o HASH11 , com 51%, 19% e 8%, respectivamente. Os dois primeiros replicam o Ibovespa e o segundo acompanha o índice Nasdaq Crypto.

“Devido às baixas taxas de juros, tivemos um grande salto no número de investidores pessoas físicas buscando novas oportunidades e diversificação de portfólio para investir e, com isso, vimos crescer também o interesse pelos ETFs”, explica Gabriela Shibata, gerente de produtos da B3.

Além dos índices amplos como o Ibovespa e o S&P 500, as opções vão de empresas com comprometimento com ESG e emissão de carbono, índices de criptomoedas, além das companhias small caps e de mercados estrangeiros como o chinês e o europeu. Outras opções, ainda, são os índices temáticos, que vão desde empresas com foco em tecnologia para saúde e até as marcas que mais atraem os millennials.

Entre os gestores dos ETFs na B3, estão a Itaú Asset, XP Asset, Black Rock, QR Asset, Hashdex, além de bancos como Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bradesco, BTG Pactual e Banco Safra.

Invista em oportunidades que combinam com seus objetivos. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos