ITUB4 R$ 24,90 +0,57% EURO R$ 6,47 +1,22% DÓLAR R$ 5,56 +0,89% MGLU3 R$ 14,32 -1,65% BBDC4 R$ 21,70 +1,97% GGBR4 R$ 28,17 +0,00% IBOVESPA 114.428,18 pts -0,19% PETR4 R$ 29,49 -0,37% ABEV3 R$ 15,62 +0,58% VALE3 R$ 79,90 -0,97%
ITUB4 R$ 24,90 +0,57% EURO R$ 6,47 +1,22% DÓLAR R$ 5,56 +0,89% MGLU3 R$ 14,32 -1,65% BBDC4 R$ 21,70 +1,97% GGBR4 R$ 28,17 +0,00% IBOVESPA 114.428,18 pts -0,19% PETR4 R$ 29,49 -0,37% ABEV3 R$ 15,62 +0,58% VALE3 R$ 79,90 -0,97%
Delay: 15 min
Mercado

Live da Ágora no YouTube fala sobre economia e fundos multimercado

"É possível diversificar a carteira mesmo com um perfil conservador", diz o CIO da Bram, Marcelo Nantes

Foto: Pixabay

Identificar o apetite de risco e não concentrar a carteira de investimentos em apenas uma classe de ativos são as soluções apontadas pelo CIO da Bradesco Asset Management, Marcelo Nantes, para atravessar a crise gerada pela pandemia do novo coronavírus.

Nesta terça-feira (31), durante uma live da Ágora Investimentos no seu canal YouTube , Nantes falou sobre o atual cenário econômico e os impactos da crise em fundos multimercado. “Não existe uma resposta só para todos os investidores”, diz. “Para maximizar o retorno, no entanto, é necessário diversificar os investimentos.”

Durante a conversa com a Ellen Stete, especialista de investimentos da Ágora, Nantes destacou a importância dos fundos multimercado durante momentos de estresse. “Eles trazem uma flexibilidade muito grande, já que o gestor consegue fazer mudanças rápidas e pode colocar e tirar risco da carteira com mais agilidade”, afirma.

Mas o convidado da live da Ágora faz o alerta: Como o cenário atual é de pura incerteza, o investidor precisa respeitar o seu perfil de investimento antes de aumentar a participação nos fundos multimercados.

Veja a íntegra da live que o E-Investidor transmitiu ao vivo.

 

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos