EURO R$ 6,42 -0,15% MGLU3 R$ 7,30 +3,55% BBDC4 R$ 21,20 +2,12% DÓLAR R$ 5,69 +0,00% ITUB4 R$ 23,25 +1,17% PETR4 R$ 28,89 +0,45% ABEV3 R$ 16,08 +0,50% IBOVESPA 106.858,87 pts +1,70% GGBR4 R$ 28,50 +2,33% VALE3 R$ 75,77 +5,43%
EURO R$ 6,42 -0,15% MGLU3 R$ 7,30 +3,55% BBDC4 R$ 21,20 +2,12% DÓLAR R$ 5,69 +0,00% ITUB4 R$ 23,25 +1,17% PETR4 R$ 28,89 +0,45% ABEV3 R$ 16,08 +0,50% IBOVESPA 106.858,87 pts +1,70% GGBR4 R$ 28,50 +2,33% VALE3 R$ 75,77 +5,43%
Delay: 15 min
Mercado

Ibovespa hoje: Copel (CPLE6), Sabesp (SBSP3) e CVC (CVCB3) são os destaques positivos do dia

Índice caiu 2,33% nesta segunda-feira (20), aos 108.843,74 pontos

Um tanque d'água com a logo da Sabesp
Foto: Estadão
  • O Ibovespa caiu 2,33% nesta segunda-feira (20), aos 108.843,74 e volume negociado de R$ 34,74 bilhões
  • Os três papéis que mais valorizaram no dia foram Copel (CPLE6), Sabesp (SBSP3) e CVC (CVCB3)

O Ibovespa caiu 2,33% nesta segunda-feira (20), aos 108.843,74 e com volume negociado de R$ 34,74 bilhões. O índice de ações seguiu a trajetória global e encerrou em baixa, com pouquíssimas ações terminando o dia no positivo. A trajetória de baixa foi puxada pela notícia da dívida colossal de US$ 300 bilhões da incorporadora chinesa Evergrande.

Segundo Jansen Costa, sócio-fundador da Fatorial Investimentos, a crise da Evergrande  mostra a desaceleração do setor de construção civil na China, o que impacta na exportação de minério de ferro que o Brasil faz para o país.

“Esse impacto faz a demanda de minério de ferro cair, e consequentemente cai também o seu preço, o que faz com que entre menos dólar no País. Se a empresa for estatizada, em teoria, diminuem os riscos do mercado. Como ninguém sabe ainda o que vai acontecer, há um grau de incerteza muito grande, fazendo o mercado sofrer muito nesse início de semana. É importante saber como o governo chinês vai lidar com esse desafio”, diz Costa.

Em Nova York, o S&P 500 e o Dow Jones fecharam em queda de 1,70% e 1,78%, respectivamente. O Nasdaq também terminou o dia com desvalorização de 2,19%.

Os três papéis que mais valorizaram no dia foram Copel (CPLE6), Sabesp (SBSP3) e CVC (CVCB3)

Confira o que influenciou o desempenho dos ativos:

Copel (CPLE6): +4,98%, R$ 6,96

As ações da Copel subiram após a companhia anunciar a distribuição de R$ 1,436 bilhão em proventos referentes ao exercício de 2021, sendo R$ 1,1 bilhão em dividendos intercalares e R$ 239 milhões em juros sobre capital próprio (JCP), totalizando um dividend yield de 8,1%. O papel CPLE6 subiu 4,98%, para R$ 6,96.

No mês, as ações registram alta de 1,75% e no ano há valorização de 0,87%.

Sabesp (SBSP3): +1,36%, R$ 35,75

Sem gatilhos específicos, a ação encerrou o pregão com avanço de 1,36%, para R$ 35,75.

No mês, os papéis estão em queda de 0,61% e no ano há desvalorização de 18,55%.

CVC (CVCB3): +0,73%, R$ 20,57

A alta nas ações da CVC veio após o anúncio do coordenador dos Estados Unidos contra a covid-19, Jeff Zients, anunciar que o país vai permitir a entrada de turistas do Brasil, China, Índia, Reino Unido e a maioria dos países europeus com população que recebeu as duas doses da vacina contra o vírus.

No mês, os papéis registram valorização de 3,88%; no ano acumulam avanço de 4,15%.

*Com Estadão Conteúdo

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos