EURO R$ 5,21 -0,13% MGLU3 R$ 3,73 +0,27% DÓLAR R$ 4,93 -1,23% BBDC4 R$ 19,41 -0,77% ABEV3 R$ 14,10 -0,84% ITUB4 R$ 24,82 -0,32% PETR4 R$ 34,25 +1,93% IBOVESPA 107.005,22 pts +0,71% GGBR4 R$ 27,01 +2,47% VALE3 R$ 79,87 +2,69%
EURO R$ 5,21 -0,13% MGLU3 R$ 3,73 +0,27% DÓLAR R$ 4,93 -1,23% BBDC4 R$ 19,41 -0,77% ABEV3 R$ 14,10 -0,84% ITUB4 R$ 24,82 -0,32% PETR4 R$ 34,25 +1,93% IBOVESPA 107.005,22 pts +0,71% GGBR4 R$ 27,01 +2,47% VALE3 R$ 79,87 +2,69%
Delay: 15 min
Mercado

Petrobras anuncia contrato para compartilhar infraestruturas de escoamento de gás

Petrogal Brasil, Repsol Sinopec Brasil e Shell Brasil passam a dividir infraestruturas de escoamento e processamento de gás natural

Petrobras anuncia contrato para compartilhar infraestruturas de escoamento de gás
Fachada da sede da Petrobras (Foto: Sergio Moraes/Reuters)
  • As empresas, que são sócias em gasodutos offshore do pré-sal da Bacia de Santos, formalizarão o acordo em evento virtual com a presença de executivos
  • No futuro, outras empresas produtoras de gás natural ainda poderão aderir aos contratos vigentes, desde que haja capacidade de escoamento disponível, acrescentou a estatal

(Reuters) – A Petrobras (PETR4) informou que anunciará nesta quarta-feira assinatura junto a Petrogal Brasil, Repsol Sinopec Brasil e Shell Brasil de contratos de compartilhamento de infraestruturas de escoamento e processamento de gás natural.

As empresas, que são sócias em gasodutos offshore do pré-sal da Bacia de Santos, formalizarão o acordo em evento virtual com a presença de executivos, incluindo o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, e o CEO global da Shell, Ben van Beurden.

“Os contratos preveem a interligação física e compartilhamento das capacidades de escoamento nas rotas 1, 2 e 3 (a última de propriedade da Petrobras e em fase de construção), dando origem ao Sistema Integrado de Escoamento de gás natural (SIE)”, disse a Petrobras no comunicado.

No futuro, outras empresas produtoras de gás natural ainda poderão aderir aos contratos vigentes, desde que haja capacidade de escoamento disponível, acrescentou a estatal.

Além do SIE, também estão previstos contratos para constituição de um sistema integrado de processamento de gás natural, que contemplam acesso das empresas a unidades de processamento da Petrobras em Caraguatatuba (São Paulo) e Cabiúnas e Itaboraí (em construção), no Rio de Janeiro, ainda segundo o comunicado.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos