EURO R$ 6,20 -1,65% MGLU3 R$ 6,55 +11,21% BBDC4 R$ 21,22 -0,70% ABEV3 R$ 14,47 -0,75% DÓLAR R$ 5,47 -1,80% IBOVESPA 108.355,19 pts +1,58% PETR4 R$ 31,74 +0,32% ITUB4 R$ 23,59 -0,21% VALE3 R$ 88,07 +2,04% GGBR4 R$ 28,97 +1,29%
EURO R$ 6,20 -1,65% MGLU3 R$ 6,55 +11,21% BBDC4 R$ 21,22 -0,70% ABEV3 R$ 14,47 -0,75% DÓLAR R$ 5,47 -1,80% IBOVESPA 108.355,19 pts +1,58% PETR4 R$ 31,74 +0,32% ITUB4 R$ 23,59 -0,21% VALE3 R$ 88,07 +2,04% GGBR4 R$ 28,97 +1,29%
Delay: 15 min
Mercado

Governo estimula chamas de crise institucional, diz Verde Asset

A gestora de Luis Stuhlberger também afirma que o cenário local continua com "doses altíssimas de incerteza"

Luis Stuhlberger, gestor da Verde Asset Management
Foto: Iara Morselli/Estadão
  • "Com esse pano de fundo o mercado segue aumentando o prêmio de risco exigido no preço dos ativos - essa é uma maneira elegante de dizer que os preços de todos ativos brasileiros caíram", afirma a gestora
  • O fundo Verde teve ganhos nas posições tomadas em juros nos mercados desenvolvidos. As perdas no mês vieram das posições no Brasil, particularmente em ações, mas também no juro real e na moeda

Em sua carta mensal divulgada nesta quinta-feira (9), a Verde Asset, do gestor Luis Stuhlberger, afirma que o cenário local continua com “doses altíssimas de incerteza” e que o governo “estimula as chamas de uma crise institucional” que leva a corrosão dos pilares do equilíbrio fiscal.

A gestora destaca que o País passa pelo pior ano de chuvas nas séries históricas e geadas. “Com esse pano de fundo, o mercado segue aumentando o prêmio de risco exigido no preço dos ativos – essa é uma maneira elegante de dizer que os preços de todos ativos brasileiros caíram”, afirma o texto.

A percepção de que o governo está cada vez menos comprometido em cumprir o teto de gastos, o impasse sobre o orçamento da União para 2022 e as turbulências políticas fizeram a Bolsa brasileira ter mais uma queda em agosto, avalia a Verde.

A carta afirma ainda que há um dilema no momento: se o fundo aumenta as posições otimistas ou reduz o risco diante das incertezas, especialmente em período pré-eleitoral.

“Por ora, nossa resposta tem sido: há prêmio suficiente no mercado acionário e na parte intermediária da curva de juro real, para mantermos as posições atuais, e incrementar aos poucos o risco do portfólio. Em outras palavras, o mercado está mais barato, mas não estupidamente barato (se vai chegar nesse nível é talvez a pergunta mais relevante)”, diz a gestora, ressaltando que o mercado de ações local tem suporte pela reabertura econômica à medida que a vacinação avança. Na visão da Asset, há boas perspectivas para lucros, pelo menos no curto prazo.

O fundo Verde teve ganhos nas posições tomadas em juros nos mercados desenvolvidos. As perdas no mês vieram das posições no Brasil, particularmente em ações, mas também no juro real e na moeda.

Em agosto, o fundo multimercado (Verde FIC FIM) de Stuhlberger subiu 0,33% (contra 0,42% do CDI), recuperando parte das perdas do mês de julho, quando fechou em queda de 2,16%. No acumulado do ano, o ganho é de 1,62%, abaixo do CDI, que está em 2,06%.

 

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos