EURO R$ 6,23 +0,02% DÓLAR R$ 5,30 +0,00% ITUB4 R$ 28,71 +3,75% ABEV3 R$ 15,88 +0,51% MGLU3 R$ 15,87 -3,30% GGBR4 R$ 27,00 +5,83% BBDC4 R$ 20,72 +4,59% IBOVESPA 114.064,36 pts +1,59% PETR4 R$ 26,84 +4,06% VALE3 R$ 78,91 -0,35%
EURO R$ 6,23 +0,02% DÓLAR R$ 5,30 +0,00% ITUB4 R$ 28,71 +3,75% ABEV3 R$ 15,88 +0,51% MGLU3 R$ 15,87 -3,30% GGBR4 R$ 27,00 +5,83% BBDC4 R$ 20,72 +4,59% IBOVESPA 114.064,36 pts +1,59% PETR4 R$ 26,84 +4,06% VALE3 R$ 78,91 -0,35%
Delay: 15 min
Mercado

IPOs da semana: só uma empresa está à espera da abertura de capital

A oferta é uma das mais aguardadas de 2021 e promete ser um dos maiores IPOs da história

Movimentação na Bolsa de Valores de São Paulo, B3. Foto: Renato S. Cerqueira / Futura Press / Pagos
Foto: Renato S. Cerqueira / Futura Press / Pagos
  • A última semana de julho foi marcada pelas estreias da Armac (ARML3) e do TradersClub (TRAD3) na Bolsa
  • Nesta semana, a bolsa brasileira terá apenas um IPO, o da Raízen. O período de reserva encerra nesta segunda (2)
  • Segundo o prospecto, a faixa indicativa para o preço das ações compreende entre R$7,40 e R$9,60

Diferente das últimas semanas, recheadas de ofertas públicas na bolsa brasileira, a primeira semana de agosto terá apenas um IPO, o da Raízen. Apesar de solitária, a oferta é uma das mais aguardadas de 2021 e promete ser um dos maiores IPOs da história.

Até junho de 2021, já foram realizados 28 IPOs. Segundo dados da B3 (B3SA3), as empresas levantaram, juntas, mais de R$ 38 bilhões. A última semana de julho foi marcada pelas estreias da Armac (ARML3) e do TradersClub (TRAD3) na Bolsa. Ambas as ações iniciaram o pregão na quarta-feira (28), com forte movimento de alta.

A TRDA3, precificada na média da faixa indicativa, a um preço de R$ 9,50 por ação, fechou o primeiro dia com alta de 32,63%, cotada a R$ 12,60. Já a Armac, que fixou seu preço no teto da faixa indicativa, de R$ 16,63, encerrou seu primeiro dia de bolsa com alta de 33,37%, cotada a R$ 22,18.

Confira o IPO marcado para a semana:

Raízen (RAIZ4)

A Raízen é uma joint venture entre a Cosan (CSAN3) e a companhia anglo-holandesa Shell. A empresa é fundamentada no mercado de biocombustíveis, energia renovável e até marketing e serviços, atuando desde a produção e venda de energia renovável e açúcar a partir da cana, até a distribuição de combustíveis por meio dos postos Shell.a

A Raízen tem a sua estreia marcada na B3 para a quinta-feira (5). Com o período de reserva se encerrando nesta segunda (2), ainda há tempo para os investidores participarem da oferta, que ainda não teve o seu preço por ação definido. Segundo o prospecto da oferta, a faixa indicativa compreende entre R$ 7,40 e R$ 9,60.

Considerando o preço médio, a Raízen planeja levantar R$ 6,7 bilhões líquidos, sem considerar os lotes adicionais e suplementares. Com eles, a oferta pode chegar a até R$ 9,05 bilhões.

De acordo com a companhia, os recursos captados com o IPO serão utilizados da seguinte maneira: 80% para a construção de novas plantas para expandir a produção de produtos renováveis e capacidade de comercialização da Raízen, 5% para investimentos em eficiência e produtividade nos parques de bioenergia e 15% para investimentos em infraestrutura de armazenagem e logística para suportar o crescimento de volume comercializado de renováveis e açúcar.

Invista com TAXA ZERO de corretagem por 3 meses. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos