Publicidade

Tempo Real

Quais são as 6 ações preferidas dos bilionários?

Para os que estão em busca de investir em dividendos, observar os passos dos bilionários pode ser valioso

Quais são as 6 ações preferidas dos bilionários?
Os grandes investidores têm demonstrado interesse por empresas de médio porte em longo prazo. (Foto: Envato Elements)

Para os que procuram dividendos e ações mais lucrativas, observar os passos dos bilionários pode ser valioso. Os grandes investidores têm demonstrado interesse por empresas de médio porte em longo prazo e esse pode ser um bom caminho para quem quer chegar no mesmo patamar.

Vale citar que, de acordo com a Forbes Money, que acompanha as mudanças no patrimônio das pessoas mais ricas do mundo há muito tempo, a maior concentração de bilionários vem do setor de investimentos e finanças.

Confira abaixo as 6 ações preferidas dos bilionários:

Publicidade

Invista em oportunidades que combinam com seus objetivos. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

1. Lancaster Colony (LANC)

  • Valor de Mercado: US$ 5,2 bilhões (R$ 24 bilhões)
  • Rendimento de dividendos (DY): 1,8%

A Lancaster Colony é uma fabricante de produtos alimentícios especiais. Para 2023, espera-se um aumento de 8,7% na receita da companhia, chegando a US$ 1,82 bilhão (R$ 8,6 bilhões), enquanto os lucros devem ter um aumento de 2,3%, atingindo US$ 5,34 por ação. A empresa não possui dívidas e tem US$ 95,5 milhões (R$ 457,6 milhões) em caixa.

2. Xerox Corporation (XRX)

  • Valor de mercado: US$ 2,5 bilhões (R$ 11,9 bilhões)
  • Rendimento de dividendos: 6,2%

Já a Xerox, ainda de acordo com a Forbes, desenvolveu muitos dos recursos encontrados hoje nos computadores pessoais modernos, incluindo a interface gráfica estilo janela explorada pela Apple e Microsoft. A receita deste ano deve aumentar ligeiramente, em 1%, para US$ 7,1 bilhões (R$ 34 bilhões), mas os lucros devem cair 26%, para US$ 1,12 por ação.

3. Phillips Edison (PECO)

  • Valor de mercado: US$ 3,9 bilhões (R$ 18,6 bilhões)
  • Rendimento de dividendos: 3,3%

A Phillips Edison é um REIT de médio porte sediado em Cincinnati, Ohio, especializado na propriedade de centros comerciais que são ancorados por supermercados. Nos últimos 12 meses, a empresa gerou um fluxo de caixa livre de US$ 1,40 por ação, o que está acima dos US$ 1,12 por ação em dividendos anuais.

4. Kilroy Realty (KRC)

  • Valor de mercado: US$ 3,9 bilhões (R$ 18,6 milhões)
  • Rendimento de dividendos: 6,6%

A Kilroy Realty Corporation é um fundo de investimento imobiliário (FII) que, no momento, tem suas ações negociadas a um múltiplo de 7,4 vezes os fundos operacionais esperados para este ano.

5. Werner Enterprises (WERN)

  • Valor de mercado: US$ 2,8 bilhões (R$ 13,4 bilhões)
  • Rendimento de dividendos: 1,3%

Werner é uma empresa de transporte rodoviário. Com a queda nos custos de combustível, a Werner registrou uma receita de US$ 3,29 bilhões (R$ 18,6 bilhões) no ano passado, representando um aumento de 20% em relação a 2021.

Publicidade

6. Southwest Gas Holdings (SWX)

  • Valor de mercado: US$ 4,6 bilhões (R$ 22 bilhões)
  • Rendimento de dividendos: 3,8%

Por fim, a Forbes finaliza a lista com a Southwest, empresa de gás natural, que fornece serviços para 2 milhões de clientes residenciais e comerciais. Nos últimos 10 anos, a empresa aumentou o pagamento de proventos em média 8,4% ao ano, e o dividendo trimestral atual oferece um rendimento de 3,3%.

Colaborou: Vitória Tedeschi.

Web Stories

Ver tudo
<
>