Publicidade

Educação Financeira

Como fazer a simulação de aposentadoria do INSS? Veja o passo a passo

A operação pode ser feita por meio do aplicativo Meu INSS ou pela página web

Como fazer a simulação de aposentadoria do INSS? Veja o passo a passo
Previdência Social (Foto: Adobe Stock)

aposentadoria é um benefício previdenciário concedido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) aos trabalhadores que completaram a idade mínima exigida e cumpriram um determinado tempo de contribuição. Esse cálculo, no entanto, é diferente para homens e mulheres.

A regra atual prevê que mulheres podem se aposentar com a idade mínima de 62 anos e pelo menos 15 anos de contribuição. Já para os homens, são 65 anos de idade e 20 de contribuição. No entanto, a Reforma da Previdência estabeleceu regras automáticas de transição, que mudam a concessão de benefícios a cada ano.

Para quem já contribuía com o INSS antes da aprovação da reforma, em novembro de 2019, foi criado um regime de transição que prevê alterações todos os anos, até 2031. A idade mínima para solicitar a aposentadoria subiu 6 meses. Agora, as mulheres precisam ter, no mínimo, 58 anos e 6 meses de idade. Para os homens, a idade mínima passa a ser de 63 anos e 6 meses.

Publicidade

Conteúdos e análises exclusivas para ajudar você a investir. Faça seu cadastro na Ágora Investimentos

O tempo mínimo de contribuição também mudou. Esse número passa a ser de 30 anos para as mulheres e de 35 para os homens. No que diz respeito a regra dos pontos, que soma o tempo de contribuição com a idade, a pontuação mínima exigida é de 91 para mulheres e de 101 pontos para homens.

Vale lembrar que as regras de transição são voltadas para quem já contribuía antes da aprovação da Reforma da Previdência, e foram criadas para estabelecer uma passagem entre as exigências antigas e as atuais do benefício. Cada uma delas pode alterar o momento em que o benefício será concedido e o valor que o trabalhador receberá.

Diante dessas mudanças, muitos contribuintes podem se perder na hora de calcular o tempo que falta para se aposentarem (por idade ou tempo de contribuição). Para ajudar nesse processo, o INSS possui um serviço que realiza a simulação a partir da base de dados armazenada pelo instituto.

A operação é feita no aplicativo Meu INSS, que está disponível para download em aparelhos Android e iOS, ou pela página web do INSS.

Simulação pelo Meu INSS

  1. Entre no Meu INSS;
  2. Clique em “Do que você precisa?” e escreva “simular aposentadoria”;
  3. Confira ou altere seus dados, como data de nascimento ou vínculos, clicando no lápis.
  4. Depois clique em “Recalcular”;
  5. A partir do resultado você pode “Pedir Aposentadoria” ou “Baixar PDF” para salvar o arquivo.

Simulação pela página web

  1. Entre no site meu.inss.gov.br e digite seu CPF e senha;
  2. Clique em “Serviços” e em “Simular Aposentadoria”;
  3. Confira as informações que aparecerão na tela. O site vai mostrar sua idade, sexo e tempo de contribuição, além de quanto tempo falta para aposentadoria, segundo cada uma das regras em vigor.

É importante destacar que essa simulação não garante direito à aposentadoria, pois algumas informações podem não ter sido incluídas ou ter sido alteradas durante o processo.

Ao solicitar o benefício, o INSS pode solicitar a apresentação de outros documentos para comprovar os períodos de trabalho e de contribuição. Sendo assim, é fundamental verificar o Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS) e conferir se os registros estão corretos. Para saber mais sobre o CNIS, confira essa reportagem

Publicidade