EURO R$ 6,29 +1,47% DÓLAR R$ 5,36 +1,50% ITUB4 R$ 27,03 -2,84% MGLU3 R$ 15,87 -4,22% ABEV3 R$ 15,57 -1,08% GGBR4 R$ 23,88 -2,93% IBOVESPA 107.815,08 pts -3,25% BBDC4 R$ 19,19 -4,15% PETR4 R$ 24,08 -3,41% VALE3 R$ 82,00 -4,82%
EURO R$ 6,29 +1,47% DÓLAR R$ 5,36 +1,50% ITUB4 R$ 27,03 -2,84% MGLU3 R$ 15,87 -4,22% ABEV3 R$ 15,57 -1,08% GGBR4 R$ 23,88 -2,93% IBOVESPA 107.815,08 pts -3,25% BBDC4 R$ 19,19 -4,15% PETR4 R$ 24,08 -3,41% VALE3 R$ 82,00 -4,82%
Delay: 15 min
Marco Saravalle, sócio-fundador da BM&C e da SaraInvest (Foto: Divulgação/SaraInves)

Marco Saravalle é analista CNPI-P e sócio-fundador da BM&C e da Sara Invest. Foi estrategista de Investimentos do Banco Safra, estrategista de Investimentos da XP Investimentos, Analista e co-gestor de fundos de investimentos na Fator Administração de Recursos e GrandPrix e analista de ações na Coinvalores e Socopa. Formado em Ciências Econômicas pela PUC-SP, Pós-graduado em Mercado de Capitais pela USP e Mestrando em Economia e Finanças pela FGV/EESP. Iniciou sua carreira no programa de Trainee do Citibank. Atualmente é Diretor Administrativo/Financeiro da Apimec Nacional, membro do comitê de
educação da CVM e presidente do Conselho da ONG de educação financeira,
Multiplicando Sonhos.

Escreve quinzenalmente, às segundas-feiras

Marco Saravalle

Cinco dicas para quem quer investir

O que investidores iniciantes precisam saber para ganhar dinheiro

  • Em 2020, mesmo com a crise causada pela pandemia, houve entrada de mais de 50% de investidores na B3 na comparação com o ano anterior
  • Com a alta acumulada da inflação, o seu dinheiro está perdendo valor na poupança
  • Possuir diversidade nas aplicações é um dos maiores ensinamentos sobre investimentos. Não colocar todos os ovos em uma só cesta é primordial para o sucesso financeiro

Ainda há quem guarde dinheiro na poupança ou embaixo do colchão – se é que tem diferença. Acontece que, com a alta acumulada da inflação, o seu dinheiro está perdendo valor. Se antes era possível comprar uma dúzia de ovos com R$ 10, hoje daria para levar apenas meia dúzia (exemplo meramente ilustrativo).

A preocupação da população com o futuro tem aumentado. Em 2020, mesmo com a crise causada pela pandemia, houve entrada de mais de 50% de investidores na B3 na comparação com o ano anterior. Mas a relação do brasileiro com a bolsa de valores ainda é nova. Por isso, seguem listadas cinco dicas que podem ajudar a começar a lidar com investimentos:

Pague-se primeiro

Uma das mais importantes premissas que devemos seguir para ter uma saúde financeira é “pague-se primeiro”. Ao optar por retirar parte da sua renda para os investimentos, garanta que você gaste apenas aquilo que planejou, já que terá reservado parte do dinheiro para o seu planejamento futuro. Portanto, antes de pagar os outros, pague a si mesmo.

Não caia nas armadilhas do cartão de crédito

Muita gente utiliza o limite do cartão de crédito como se fosse débito, esquecendo que terá que pagar aquele valor no próximo mês. Quando se gasta mais do que se deve e não se consegue efetuar o pagamento, os juros compostos se tornam o vilão. Procure receber juros, não pagar.

Não deixe seu dinheiro na poupança

Deixar o dinheiro na poupança faz o seu poder de compra diminuir. A inflação, nos últimos 12 meses, ficou em 8,35% e a caderneta de poupança rende 2,97% ao ano, uma relação negativa de -5,38%. Existem aplicações que rendem mais do que a poupança e são até mais seguras – quem não lembra do confisco da poupança nos anos 90 no governo Collor? – como o tesouro direto. Rende mais que a poupança, tem liquidez e é totalmente seguro. Além disso, é possível escolher entre o pré e pós-fixado, sendo que o pré-fixado é utilizado para investimentos de mais longo prazo com uma rentabilidade maior.

Procure sempre a diversificação

Possuir diversidade nas aplicações é um dos maiores ensinamentos sobre investimentos. Não colocar todos os ovos em uma só cesta é primordial para o sucesso financeiro. É importante buscar investimentos diversos que abrangem vários cenários para não estar exposto a um só ambiente. Busque aplicações tanto em renda fixa como em renda variável de acordo com seu perfil de investidor. Se o perfil permite adquirir ações, varie sempre entre setores, ações dolarizadas e diversidade entre blue chips e small caps para não deixar de aproveitar as oportunidades. Além disso, ainda existem os ETFs que são grandes aliados na hora de matizar a sua cesta de ações.

Busque conhecimento

O conhecimento permite que se tenha consciência do que se está realizando. Duvide sempre de promessas milionárias de um dia para o outro. Construa seu patrimônio de forma que as aplicações em bolsa de valores irão proporcionar um complemento na sua renda, mas não são elas que irão te tornar milionário e, sim, seus hábitos e atitudes no presente. Leia, se informe, estude e mantenha os “pés no chão”. O céu é o limite!

Invista em oportunidades que combinam com seus objetivos. Abra sua conta na Ágora Investimentos

Informe seu e-mail

Faça com que esse conteúdo ajude mais investidores. Compartilhe com os seus contatos